Imprimir Página | Fechar Janela

Aula de Pedal Duplo - Gustavo Teixeira

Impresso de: Batera.com.br
Categoria: Fóruns Públicos
Nome do Fórum: Aulas e Estudos
Descrição Fórum: Assuntos sobre aulas e estudos de bateria
URL: http://forum.batera.com.br/forum_posts.asp?TID=36660
Data da Impressão: 21/09/19 as 01:33


Tópico: Aula de Pedal Duplo - Gustavo Teixeira
Postado Por: gustavoteixeira
Assunto: Aula de Pedal Duplo - Gustavo Teixeira
Data de Publicação: 01/05/06 as 05:26
neste tópico estarei dando aulas virtuais com dicas das quais eu trabalho aqui em Macaé / RJ, no meu curso de bateria, sobre pedal duplo, como adquirir controle, velocidade, resistência, entre outras dúvidas frequentes sobre o assunto, sou professor há mais de 13 anos atualmente! e trabalho em Workshop`s para a Odery meu patrocinador de baterias, onde tenho abordado muito este tema, será um prazer poder compartilhar com pessoas que gostem de verdade desse assunto, pois as aulas serão gratuitas, aproveitem, fiquem espertos, que estarei postando as partes separadamente, valeu!

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"



Respostas:
Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 01/05/06 as 05:30

primeira dica será a seguinte. como estaremos começando as aulas, gostaria primeiro de colocar alguns pontos referentes ao estudo do pedal duplo. segue então uma dica

nunca tentem aprender sozinhos, pois algo que aconteceu comigo em relação ao estudo de pedal duplo, foi ter uma lesão que até agora não melhorou! já faz uns 3 anos, e por isso não começem seus estudos sozinhos procurem um bom profissional na área, siga este conselho! pois mais tarde quem não tiver pelo menos uma aula seuqer com um bom professor de renome poderá ter surpresas desagradávies, confiem, é verdade!



-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: Madruga
Data de Publicação: 01/05/06 as 06:45

to esperando as dicas de Velocidade e resistencia !!!!

vc tem site ???

parabens pela ótima iniciativa !!!



-------------
Que Que foi , Que que foi , Que que há ?


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 01/05/06 as 06:52
Não ainda não tenho site, mas poderá conhecer meu estilo no tópico de elaboração de solos por Gustavo teixeira, na seção de aulas e estudos , aqui mesmo, lá postei alguns solos!

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: alexbatera
Data de Publicação: 01/05/06 as 19:25

boa isso e de interece a muitas pessoas no forum

to esperando mais dicas



-------------
alexandre


Postado Por: Seabra
Data de Publicação: 01/05/06 as 21:39

ESPERANDO OS EXERCICIOS DE VELOCIDADE E RESISTENCIA.

SERIA LEGAL COLOCAR ESSE TÓPICO DEFINITIVO PRA GALERA FICAR SEMPRE CONFERINDO.

ABRAÇOS

 



-------------
Imagem removida pela moderação por violar o tamanho limite.


Postado Por: ju_com_banana
Data de Publicação: 02/05/06 as 04:28
mto legal so falta comprar um pedal duplo agora eu!!


Postado Por: Idario
Data de Publicação: 02/05/06 as 12:38

ESTOU ESPERANDO TAMBÉM AS AULAS.

ABRAÇOS

IDÁRIO



-------------
Dario


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 02/05/06 as 16:02

Parte 1 dos estudos de pedal duplo

 

Estudo do uso de pedal duplo ou bumbo duplo  apostila 01 - por Gustavo Teixeira

 

Iniciação aos entendimentos do uso do pedal duplo ou bumbo duplo.

 

Muitos bateristas se deparam com inúmeras dificuldades em relação as técnicas

e principalmente a maneira correta de pisar, sentar no banco, altura do banco,

tensão das molas, tipo de calçado apropriado para tal atuação, tensão das peles

do bumbo ou bumbos, e o mais importante de todos que é o fato de sempre utilizar

 um metrônomo para auxiliar as tomadas de tempo e andamento afim de propiciar

a noção exata de como está sendo colocada cada nota.

 

Vamos classificar esses itens de maneira individual e veremos que a co-relação entre

eles irá fazer com que se chegue ao resultado almejado.

 

Maneira correta de pisar

 

 A maneira correta de pisar: cada tipo de pedal tem o que chamamos de "ponto doce",

ou seja, é o ponto do qual se extrai o melhor de rebote e controle do pedal. Para isso

é preciso que utilize sempre as pontas dos pés de maneira que o calcanhar não fique

tão elevado e ainda assim aproveite o movimento das pernas e do joelho para que

possa deixar o pedal livre, pois dessa maneira conseguirá ter  um controle total do pedal.

 Mas acontece que cada pedal têm o seu "ponto doce" diferente uns dos outros, então

 o melhor é colocar a ponta do pé mais ou menos acima do meio da sapata do pedal,

 assim terá o resultado ideal. Caso não seja no meio, poderá ser abaixo um pouco do

meio ou acima, então tente experimentar a colocação do pé entre esse espaço sendo

assim delimitado entre abaixo do meio do pedal e acima dele.

 

Obs: nunca coloque os pés perto da corrente ou fita posicionados na polia, pois o

pedal ficará muito sensível e sem rebote, ou seja, o pé colocado muito acima não funciona

de maneira eficiente.

.

 

Altura do banco

 

  A altura do banco e maneira correta de se sentar: o fator mais importante no ato de se

 tocar  o pedal duplo ou até mesmo a bateria inteira é sem dúvidas o posicionamento

 do banco e sua altura, desta maneira deverá fazer um angulo de no mínimo 90º e de

 no máximo 120º, pois as pernas não podem ficar muito retraidas ou muito deslocadas

 para frente, isso poderá causar dados muitas vezes irreparáveis aos joelhos e

principalmente a coluna.

 

Obs: sempre sentar do meio para frente do banco e se possível adquirir um banco estilo

banco de motocicleta, pois o mesmo é totalmente ergonômico sendo ideal para o uso

 com o pedal duplo ou dois bumbos.

 

 

 



-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: Durval
Data de Publicação: 02/05/06 as 18:49
Originalmente postado por gustavoteixeira gustavoteixeira escreveu:


nunca tentem aprender sozinhos, pois algo que aconteceu comigo em relação ao estudo de pedal duplo, foi ter uma lesão que até agora não melhorou! já faz uns 3 anos, e por isso não começem seus estudos sozinhos procurem um bom profissional na área, siga este conselho! pois mais tarde quem não tiver pelo menos uma aula seuqer com um bom professor de renome poderá ter surpresas desagradávies, confiem, é verdade!



Peraí, Gustavo, também não é assim!
É claro que ter um bom professor é sempre aconselhável, isso não se discutie.
Mas também não precisa dizer que a moçada a nunca deve tentar aprender sozinho. O fato de você ter tido uma lesão não significa que todos nós a teremos. Muitos excelentes bateristas são autodidatas e nunca tiveram uma lesão.

E sobre a maneira correta de pisar, você descreveu bem uma delas, o método de calcanhar levantado ou heel up. Não se pode esquecer de outras técnicas. Em algumas situações e para alguns bateristas, repousar o pé inteiro no pedal (heel down) traz melhores resultados.



Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 02/05/06 as 23:36
O que eu quiz dizer em relação a um bom professor, não significa que um baterista tente aprender sozinho, mas acontece que um estudante quer sempre exceder, e o professor seria tipo um personal drum, ou seja, ajuda a controlar a ansiedade do estudante afim dele não se machucar, isso acontece com muita frequência, pode ter certeza. eu digo isso porque quem quer ser bom em pedal duplo, quer estudar de 4 a 8 horas por dia, como eu estudava, então se eu tivesse uma orientação na época, hoje não teria a tal lesão, concordo, mas isso acontece muito, mais do que imaginam, valeu!

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: FelipeBarcellos
Data de Publicação: 03/05/06 as 01:17
Legal. !! Estou esperando mais dicas!

-------------
www.purevolume.com/RAZER


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 03/05/06 as 02:52

iremos trabalhar bastante na questão de reistência e velocidade, aguardem!



-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 03/05/06 as 03:29
Lista de alguns bateristas que usam o pedal duplo de forma criativa: dennis Chambers, vinie colaiuta, dave weckl e steve smith, não estranhem pois mencionei bateristas que não são expert, no assunto é para que vocês tenham uma idéia de outra abordagem, a do jazz em o pedal duplo, depois irei colocar os feras da velocidade, depois comento isso tudo!

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 03/05/06 as 04:51
pratiquem usando um metrônomo para ajudar na evolução!

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: ederbatera
Data de Publicação: 03/05/06 as 05:44
Muito Bom!!! Parabéns! Vou ficar de olho nas dicas!

-------------
Éder Medeiros
www.edermedeiros.com


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 03/05/06 as 05:55
obrigado pessoal, estarei colocando o melhor de estudos sobre o assunto aqui!

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: Peccatu
Data de Publicação: 03/05/06 as 06:37
Maneiro... vou estar de olho também.

Abraços...

-------------


Ouça-me em:

http://www.myspace.com/thisisito - Infinity to One


Postado Por: Juliana Trindad
Data de Publicação: 03/05/06 as 16:50

Oi tudo bem?

Sou nova no fórum......tb estou aguardando as aulas!!!

Fik com Deus!!!



-------------
" Em terra estranha estou.....venho em serviço do meu REI "
Juju


Postado Por: GuilhermeBonnes
Data de Publicação: 03/05/06 as 17:09
Bela Iniciativa!!! Parabéns cara!



-------------

www.facebook.com/guilhermebonnes


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 03/05/06 as 20:36

parte 2

 

Tensão das mola

 

A tensão das molas: para uma performance ideal existem dois tipos apropriados de  tensionamento das molas: um seria colocar as duas molas de forma idêntica,para que se possa ter um controle igual de ambos os pés, e a outra seria usar a mola  do pé oposto ao principal, no caso de destro seria o pé esquerdo para que se possa ter  a compensação de força do mesmo afim dele não ter atraso, pois muitos bateristas  acham que  isso não seja certo, mas na verdade é até mesmo melhor do que  primeira  opção, pelo simples fato de que o segundo pé ou bumbo não tem a mesma afinidade de força e coordenação.

 

 

Tipo de calçado apropriado para atuação

 

O tipo de calçado apropriado para atuação: neste caso é importante ressaltar que o calçado deverá ser o que você acha o mais confortável e que não cause nenhuma dor ou desconforto aos pés. Desse modo uma  dica seria calçados com a sola mais plana para quem utiliza os pés por inteiro na sapata e calçados com um pequeno salto tipo de trainning para uso com as pontas dos pés.

 

Obs: como mencionado não existem restrições em relação aos calçados, apenas

adequação a eles em relação as sapatas diferentes dos pedais de bumbo, então

procure testar diversos tipos de calçados tipo, tênis, sapatilha, ou até mesmo sapatos.

 

 Tensão das peles do bumbo ou bumbos:

 

 o importante é frisar que existem três coisas que podem

ajudar a ter uma boa resposta do bumbo, um seria o tensionamento das duas peles  de forma igual, pois poderia  ser dividida em três partes: menos apertada, meio termo  e mais apertada, isso para  se ter uma idéia geral, pois as diversas formas de afinação e conclusões devem partir  de experimentos do baterista para uma melhor adequação. Então usando as peles  mais soltas você terá um som mais  grave e poderoso, sem harmônico e tende a não ter muito rebote, ideal para atuações sem muitas notas. Usado mais para groove!

 



-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: Idario
Data de Publicação: 03/05/06 as 20:48

CONTINUA, CONTINUA, CONTINUA.........

ABRAÇOS

IDARIO



-------------
Dario


Postado Por: Idario
Data de Publicação: 03/05/06 as 21:06

EA GUSTAVO,

NO TÓPICO SOBRE POSTURA VC FALOU "ergonomia é tudo na bateria!

COMO ASSIM? NÃO ENTENDI DIREITO.

DÁ PARA ESCLARECER?

ABRAÇOS

IDÁRIO



-------------
Dario


Postado Por: pedrobateria
Data de Publicação: 03/05/06 as 22:24

cara ta muito bom

eu estou adorando essas sua aulas

ja to começando a aprender mais um pouco

mandou muito muitomuitomuitomuitomuitomuitomuitomuitomuitomuitomuitomuito muitomuitomuitomuitomuitomuitomuitomuitomuitomuitomuitomuito muitom

bem



-------------
Em busca de um forum melhor:Quando for postar algo,veja onde ira postar


Postado Por: Gustavo.BNU.
Data de Publicação: 04/05/06 as 01:56

Muito bom, parabéns pela iniciativa Gustavo, aguardamos os restantes, mais até agora esta mandando muito bem...
Esta fazendo muito bom uso do forum... 

Valeo, aquele abraço. 



Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 04/05/06 as 13:22
ergonomia é todo um processo pelo qual uma pessoa, independente da área de atuação se submeta a obter conforto e qualidade de vida com ela, ou seja, ergonomia é a forma pela qual um cidadão utiliza recursos anatômicos ou trabalhe bem o uso do corpo com o seu instrumento de trabalho, de lazer ou esporte, por exemplo: uma pessoa que trabalha sentada o dia inteiro na frente de um computador, se não se preocupar com a ergonomia relacionada a altura da cadira o conforto da mesma, a distância da tela, o uso correto do manuseio com o teclado e mouse, este cidadão poderá contrair doenças do tipo dort, entendeu, para isso entra a ergonomia, que é a qualidade física em que um indivíduo se submete para melhorar suas atividades do dia a dia, no caso da bateria seria a mesma coisa, só que de maneira adaptada a realidade, masi tarde irei falar sobre esse tema separadamente!

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 04/05/06 as 13:39
por isso que falo que ergonomia é tudo, pois por causa disso o nick menza do megadeth teve cancer nos joelhos e teve que se afaztar da bateria e da banda, até mesmo quem gravou o cd do megadeth foi o Vinnie Colaiuta!

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: lito
Data de Publicação: 04/05/06 as 18:33
Originalmente postado por Seabra Seabra escreveu:

ESPERANDO OS EXERCICIOS DE VELOCIDADE E RESISTENCIA.

SERIA LEGAL COLOCAR ESSE TÓPICO DEFINITIVO PRA GALERA FICAR SEMPRE CONFERINDO.

ABRAÇOS

 

     Falo tudo



-------------
RS


Postado Por: lito
Data de Publicação: 04/05/06 as 18:36
  Muito bom o tópico!!!Só flta eu ter um pedal duplo

-------------
RS


Postado Por: Idario
Data de Publicação: 04/05/06 as 19:41

VALEU GUSTAVO,

JÁ DEU PARA ENTENDER UM POUCO

ABRAÇOS

IDÁRIO



-------------
Dario


Postado Por: Weslley Souza
Data de Publicação: 04/05/06 as 23:03
É isso ae mano. Valeu pelo o tópco.

-------------
Paaaaaaaz Povo!!!
Weslley Sismundo
-----------------------------------------------------
"Servir a Deus é maior que minhas realizações pessoais ou profissionais"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 05/05/06 as 15:06

parte 3 - fiquem atentos

continuação da 2 parte

 A Segunda opção seria as peles em meio termo, sendo tencionadas de maneira a

ficarem com um som médio grave e com um certo decay e harmônico pronunciado

Esse tipo de tensão tende a  deixar o pedal com um rebote melhor, ideal para muitasnotas e muito útil para bateristas que usem sequências de notas rápidas em escala. A terceira opção é usar as peles mais apertadas resultando em muitos harmônicos e decay  prolongados, podendo assim deixá-los apertados e usar um abafador interno tipo um travesseiro ou almofada especial para tal coisa afim de inibir os harmônicos sem que a pele fique menos tencionada proporcionando um rebote extra e muito usado para extremas performances e atuações de diversas repetições de notas seguidas.

 

 Utilização de metrônomo: é o mais importante item para adquirir um resultado mais rápido em termos de noção de tempo, resistência, medição de resultados no aspecto de sempre poder comparar a  evolução de sua velocidade e principalmente o andamento estarem corretos e harmoniosamente perfeitos.

 

Obs: use o metrônomo começando bem lento com a velocidade em "LARGHETO",

devagar, depois passe para "LENTO", que é o próprio nome, mais adiante "MODERATO", neste caso moderado, passando para "ALLEGRO", rápido em seguida "VIVO"  que é  um rápido mais elevado e finalizando com "PRESTO", que é muito rápido. De acordo com o andamento perceba que o ideal é tentar colocar as semínimas evidenciadas no tempo pedido afim de poder ter uma referência de tempo e divisão dos tempos e seus deslocamentos.

 

Pads e peles silenciosas

 

 atualmente existem uma gama infinita de possibilidades em relação a pads e peles silenciosas.

Uma opção muito eficiente para que possam exercitar e estudar sem o problema de incomodar alguém, é sem dúvidas o uso desses recursos. e assim pode-se ter mais concentração e mais sensibilidade para ver se existe algum erro durante a prática.

 

Os  pads

 

 são praticáveis feitos com a superfície de borracha simulando a pele do bumbo, com a finalidade de servir como tal. A vantagem  de treinar com os pads de borracha são a melhora da resistência e uma aplicação mais voltada para a técnica e a percepção de erros, pois como são silenciosos podemos conferir qualquer falha de tempo e andamento, e ainda assim verificar a existência de variações entre os pés.

 



-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 05/05/06 as 15:08
qualquer dúvida perguntem!

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: Diego_drummer
Data de Publicação: 05/05/06 as 22:15
jah q vc falow em duvidas estou ake!!

quando vc disse:

e a outra seria usar a mola do pé oposto ao principal, no caso de destro seria o pé esquerdo para que se possa ter a compensação de força do mesmo afim dele não ter atraso

vc nao falou qual eh para apertar +!!!seria o pedal direito ou o eskerdo??

abraços!!


-------------
Pearl Export Com Sabian AA e AAX, Wuhan China e Zildjian Ride, Pedal:DW5002 Acceletator , Hardware:Pearl


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 06/05/06 as 04:48
Apertar mais ummpouquinho a do pé remoto, ou seja, a do pé esquerdo para que ocorra uma compensação de força e agilidade!

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 06/05/06 as 14:56

parte 4 de nossos estudos pedalísticos!

Peles silenciosas

 

 São peles que parecem  uma tela de peneira, elas são construídas em  nylon e na verdade não tem uma superfície lisa como as peles comuns, sendo assim deixam passar o ar e por isso são peles silenciosas ou "mudas". A vantagem delas sobre os pads seria em relação a performance. Pois as mesmas possibilitam que sejam usadas em seu "set up" normal sem nenhum problema, a não ser pelo som que elas não tem, ficando apenas a ressonância da pele de resposta. Mas são as melhores opções de uso destinado aqueles que não querem incomodar e ao mesmo tempo ter mais concentração e focar seus exercícios com maior precisão técnica! Fazendo uso do próprio kit de bateria.

 

 



-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: Metall
Data de Publicação: 06/05/06 as 18:14
Tá ficando bom :)


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 06/05/06 as 21:41

parte 5 de nossos estudos!

 

Preparação física

 

 um baterista que vai começar a usar o pedal duplo ou dois bumbos deverá ter uma seqüência de preparação física adequada. Como por exemplo segue umas dicas simples: não fumar, não beber como qualquer músico que tem em mente a saúde e o bem estar para que possa se expressar usando seu instrumento, Alimentação rica em carboidratos e proteínas, além de tomar muitos líquidos como água, sucos diversos e repositores energéticos, praticar alguma atividade física sendo que uma opção excelente para os iniciados e profissionais em usar o pedal duplo ou bumbo duplo é o ato de pedalar uma bicicleta. Pois a musculatura exigida neste ato é a mesma usada para se tocar!   

 

  Neste estudo focado para o uso de pedal duplo ou bumbo duplo começaremos a analisar duas coisas principais para se adquirir controle em seu uso, seria o estudo da coordenação motora e controle motor; e da resistência, essas duas características que usaremos para conseguir melhorar nossa maneira de tocar, são de suma importância, pois sem elas é meramente impossível ter como ferramenta o uso do pedal duplo ou bumbo duplo para execuções de músicas ou solos de bateria.

 

 Os estudos preparatórios deverão ser executados sempre de maneira relaxada, sem tensão, pois tocar tenso é um erro muitíssimo comum aos bateristas de primeira viagem, sejam eles iniciantes no instrumento, ou no uso desses recursos que estamos abordando. Sendo assim é imprescindível que o estudante tenha uma capacidade grande se concentrar e ser paciente. Assim vai sr mais fácil compreender o uso desses recursos e como poderemos utiliza-los na música.

 

Estudo da coordenação motora e controle motor.

 

É sem dúvidas o mais importante estudo para se conseguir usar o pedal duplo, ou BD "Bumbo Duplo", pois sem fundamentar bem este estudo não haverá resultados satisfatórios, nem a  longo prazo! Então começaremos com dicas para um desenvolvimento da coordenação motora e do controle motor, ou  seja, estudaremos os princípios básicos do controle dos pés, pois sem esse estudo o baterista não compreenderá as diversas maneiras para usa-la.

 A coordenação motora é imprescindível para que o baterista mesmo com anos de experiência possa dominar a arte de tocar bateria, então não seria diferente para aquele que quer aprender a usar o pedal duplo! Primeiramente o estudo inicial é baseado em duas partes, sendo elas: toques simples e toques duplos, estudados separadamente!

 



-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: Diego_drummer
Data de Publicação: 07/05/06 as 04:38
ahhh!!!ta mtu massa!!!depois keria falar + contigo sobre issu!!

-------------
Pearl Export Com Sabian AA e AAX, Wuhan China e Zildjian Ride, Pedal:DW5002 Acceletator , Hardware:Pearl


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 08/05/06 as 18:49

parte 6 de nossos estudos

Estudos de toques simples

 

 Os toques simples como são chamados, refere-se aos toques executados com um toque por lado, ou seja, é usado um toque para cada lado do corpo, tanto para as mãos como para os pés. Os toques simples são os primeiros exercícios dos 40 rudimentos, que são essenciais para um desenvolvimento completo da técnica de um baterista, seja ele iniciante ou até mesmo profissional. Para desenvolver este estudo comece com uma seqüência de toques com cada pé, depois toque junto com as mãos. Na verdade essa idéia é apenas para se iniciar nesses estudos, e não um aprofundamento, pois para realmente se aprofundar o estudante deverá ter em mãos os rudimentos, que são utilizados pela maioria dos bateristas, e em seguida executar essas partes com os pés, pois dessa maneira o estudante terá mais controle sobre os pés.

 

Estudo de toques duplos

 

  Nessa parte o estudante deverá ter bastante firmeza com ambos os pés,  caso contrário, não terá muito proveito nesta etapa. Para começar a estudar os toques duplos, comece com a mesma idéia dos simples,ou seja, primeiro trabalhe os pés, depois as mãos junto com os pés, pois assim as mãos guiam os pés na direção certa, sem que os mesmo acelerem. É importante ressaltar o uso do metrônomo nos estudos. Trabalhando os toques duplos desse modo, ficará mais fácil para passar adiante, e conseqüentemente ter um resultado bom. Pois muitos bateristas que se iniciam na aventura de tocar com dois bumbos ou pedal duplo, esquecem que para aprender é  necessário três coisas: paciência, persistência e dedicação. Sem esses três ingredientes ficará impossível conseguir algum resultado. Então procure sempre estudar por etapas, e não juntar um amontoado de exercícios para ir estudando de uma só vez, faça por etapas e por categorias.

 



-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: Sleeper
Data de Publicação: 08/05/06 as 19:35

Cara, essas dicas são muito boas!

Eu tenho uma dúvida quanto à tensão das molas. Você disse pra apertar um pouco mais a do pé esquerdo (no caso dos destros). Eu tenho feito justamente o contrário, pra poder compensar o peso do eixo do pedal "remoto".

Outra coisa: Seria uma boa, pra quem quer desenvolver resistência, apertar bem as molas e "forçar" mais a musculatura pra tocar e, depois de um tempo de aprendizado, afrouxar as molas pra uma tensão mais confortável e assim ter mais facilidade em tocar notas rápidas?

Abraço.



Postado Por: KoRn
Data de Publicação: 08/05/06 as 21:03
Muito boa suas explicações, meus parabéns!

Estou com uma duvida cruel rs, comprei um kit de peles mudas da Luen, elas tem um rebote bem maior que as comuns, acho que todas as peles mudas são assim, mas não tenho certeza, para as mãos achei que não influencia muito, pois mãos podemos treinar mais facilmente em pads, almofadas, qualquer tipo de superficie hehe, mas vamos aos pontos que me incomodam muito e fez com quem eu tirasse a pele silenciosa do bumbo vamos ao primeiro problema:
Numa pele normal quando se ataca com o pedal ele fica grudada na pele. Na pele muda ela fica reboteando atrapalhando o estudo, mesmo tocando com a tecnica de atacar e tirar o pedal imediatamente fica muito estranho... quando se começa a tocar com o pedal duplo ai é que piora, fazendo uma levada moderada, tudo bem o som ta saindo mesmo a pegada estando estranhíssima e tremula, mas pelo controle que já tenho na levada não saio do tempo, mas incomoda muito. Estiquei, soltei, tentei varias tensões e o problema continua, e agora o segundo problema, quando elevo a velocidade da levada pra algum tempo mais extremo como fazia na outro pele antiga,  a pele muda estica pra dentro devido a quantidade de ataques que recebe do pedal, pois não dá tempo de le voltar mesmo estando em uma tensão consideravelmente apertada, resultado? sapatas batendo nas bases dos pedais. Terceiro problema: Percebi que pele começou a comer o feltro dos pirulitos raspando e deixando mais e mais achatado.
Será que tem como você me dar uma luz?
Desde já estou grato por sua considerável ajuda a nós amantes desse maravilhoso instrumento.
Se alguem tiver um toque pra me dar fique a vontade tambem. Muito obrigado.



-------------


Postado Por: Sleeper
Data de Publicação: 08/05/06 as 21:23

Originalmente postado por KoRn KoRn escreveu:

Muito boa suas explicações, meus parabéns!

Estou com uma duvida cruel rs, comprei um kit de peles mudas da Luen, elas tem um rebote bem maior que as comuns, acho que todas as peles mudas são assim, mas não tenho certeza, para as mãos achei que não influencia muito, pois mãos podemos treinar mais facilmente em pads, almofadas, qualquer tipo de superficie hehe, mas vamos aos pontos que me incomodam muito e fez com quem eu tirasse a pele silenciosa do bumbo vamos ao primeiro problema:
Numa pele normal quando se ataca com o pedal ele fica grudada na pele. Na pele muda ela fica reboteando atrapalhando o estudo, mesmo tocando com a tecnica de atacar e tirar o pedal imediatamente fica muito estranho... quando se começa a tocar com o pedal duplo ai é que piora, fazendo uma levada moderada, tudo bem o som ta saindo mesmo a pegada estando estranhíssima e tremula, mas pelo controle que já tenho na levada não saio do tempo, mas incomoda muito. Estiquei, soltei, tentei varias tensões e o problema continua, e agora o segundo problema, quando elevo a velocidade da levada pra algum tempo mais extremo como fazia na outro pele antiga,  a pele muda estica pra dentro devido a quantidade de ataques que recebe do pedal, pois não dá tempo de le voltar mesmo estando em uma tensão consideravelmente apertada, resultado? sapatas batendo nas bases dos pedais. Terceiro problema: Percebi que pele começou a comer o feltro dos pirulitos raspando e deixando mais e mais achatado.
Será que tem como você me dar uma luz?
Desde já estou grato por sua considerável ajuda a nós amantes desse maravilhoso instrumento.
Se alguem tiver um toque pra me dar fique a vontade tambem. Muito obrigado.

Cara, eu tive os mesmos problemas que você, no caso do bumbo. Minha Pearl RT vem com essas peles e a questão do feltro sendo "corroído" pela pele, eu resolvi usando o lado de plástico do batedor. Não sei se você tem essa possibilidade.

Quanto ao som, nos tons é beleza pra sacar a resposta, mas no bumbo, em levadas rápidas, realmente não dá pra identificar cada "kick" separado, pra ver se está saindo tudo certo...



Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 08/05/06 as 21:44
o melhor a fazer é estudar com as peles normais mesmo, sei que é um grande problema em relação ao incomodo com os visinhos, mas não tem jeito, ou até mesmo com problemas dentro de casa por causa do barulho, o melhor a fazer é treinar o que se irá usar no show, ou seja, treinar nas peles mudas só com as mãos, mas com os pés, principalmente usando o pedal duplo, o melhor e trocá-las pelas antigas, normais! pois assim o controle será o mesmo durante a execução de um ensaio ou show, se não tiver jeito, tente usar a pele de resposta mais folgada para que não interfira na pele batedeira e tente afrouxar um poco mais a pele muda deverá melhorar consideravelmente! em relação ao segundo problema das peles afundarem , o mehlor é usar as peles antigas mesmo, pois daí naõ tem jeito, ainda mais se quer adquirir velocidade, e o último problema é que o batedor sendo de feltro desgasta mais rápido mesmo em peles normais, eles deformam, daí terão que ser trocados isso se você já estiver acostumeados com eles, tente envolver eles com uma fita adesiva de uso elétrico, fita isolante mesmo, vai ajudar na proteção dos feltros, mas não vai adianter em relação a velocidade e nem aos rebotes das peles mudas, o melhor é usar  o que será usado nos shows, ou seja, estudou com peles normais terá que tocar com as mesmas no show, já aconteceu de treinar meses com uma pele, e na hora do show, não da para levar sua bateria com a pele que treinou esse tempão, então você acha que tocou muitíssimo mal, naõ é isso é questão de costume, então treine com as peles normais, as mãos não terão problemas pode usar as peles mudas no tons, surdo etc. valeu!

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: KoRn
Data de Publicação: 08/05/06 as 22:10
Originalmente postado por Sleeper Sleeper escreveu:

Originalmente postado por KoRn KoRn escreveu:

Muito boa suas explicações, meus parabéns!

Estou com uma duvida cruel rs, comprei um kit de peles mudas da Luen, elas tem um rebote bem maior que as comuns, acho que todas as peles mudas são assim, mas não tenho certeza, para as mãos achei que não influencia muito, pois mãos podemos treinar mais facilmente em pads, almofadas, qualquer tipo de superficie hehe, mas vamos aos pontos que me incomodam muito e fez com quem eu tirasse a pele silenciosa do bumbo vamos ao primeiro problema:
Numa pele normal quando se ataca com o pedal ele fica grudada na pele. Na pele muda ela fica reboteando atrapalhando o estudo, mesmo tocando com a tecnica de atacar e tirar o pedal imediatamente fica muito estranho... quando se começa a tocar com o pedal duplo ai é que piora, fazendo uma levada moderada, tudo bem o som ta saindo mesmo a pegada estando estranhíssima e tremula, mas pelo controle que já tenho na levada não saio do tempo, mas incomoda muito. Estiquei, soltei, tentei varias tensões e o problema continua, e agora o segundo problema, quando elevo a velocidade da levada pra algum tempo mais extremo como fazia na outro pele antiga,  a pele muda estica pra dentro devido a quantidade de ataques que recebe do pedal, pois não dá tempo de le voltar mesmo estando em uma tensão consideravelmente apertada, resultado? sapatas batendo nas bases dos pedais. Terceiro problema: Percebi que pele começou a comer o feltro dos pirulitos raspando e deixando mais e mais achatado.
Será que tem como você me dar uma luz?
Desde já estou grato por sua considerável ajuda a nós amantes desse maravilhoso instrumento.
Se alguem tiver um toque pra me dar fique a vontade tambem. Muito obrigado.

Cara, eu tive os mesmos problemas que você, no caso do bumbo. Minha Pearl RT vem com essas peles e a questão do feltro sendo "corroído" pela pele, eu resolvi usando o lado de plástico do batedor. Não sei se você tem essa possibilidade.

Quanto ao som, nos tons é beleza pra sacar a resposta, mas no bumbo, em levadas rápidas, realmente não dá pra identificar cada "kick" separado, pra ver se está saindo tudo certo...



Pois é, mo merda isso, não posso fazer barulho, não treino decentemente desde o começo do ano.. isso pq só tenho fds..


Originalmente postado por gustavoteixeira gustavoteixeira escreveu:

o melhor a fazer é estudar com as peles normais mesmo, sei que é um grande problema em relação ao incomodo com os visinhos, mas não tem jeito, ou até mesmo com problemas dentro de casa por causa do barulho, o melhor a fazer é treinar o que se irá usar no show, ou seja, treinar nas peles mudas só com as mãos, mas com os pés, principalmente usando o pedal duplo, o melhor e trocá-las pelas antigas, normais! pois assim o controle será o mesmo durante a execução de um ensaio ou show, se não tiver jeito, tente usar a pele de resposta mais folgada para que não interfira na pele batedeira e tente afrouxar um poco mais a pele muda deverá melhorar consideravelmente! em relação ao segundo problema das peles afundarem , o mehlor é usar as peles antigas mesmo, pois daí naõ tem jeito, ainda mais se quer adquirir velocidade, e o último problema é que o batedor sendo de feltro desgasta mais rápido mesmo em peles normais, eles deformam, daí terão que ser trocados isso se você já estiver acostumeados com eles, tente envolver eles com uma fita adesiva de uso elétrico, fita isolante mesmo, vai ajudar na proteção dos feltros, mas não vai adianter em relação a velocidade e nem aos rebotes das peles mudas, o melhor é usar  o que será usado nos shows, ou seja, estudou com peles normais terá que tocar com as mesmas no show, já aconteceu de treinar meses com uma pele, e na hora do show, não da para levar sua bateria com a pele que treinou esse tempão, então você acha que tocou muitíssimo mal, naõ é isso é questão de costume, então treine com as peles normais, as mãos não terão problemas pode usar as peles mudas no tons, surdo etc. valeu!


Vlw pelas dicas, eu tentei afroxar a pele mas mesmo assim treme um pouco e as sapatas batem na base mesmo com o bumbo inclinado. Eu fiz exatamente isso, coloquei fita isolante, mas os outro problemas continuaram....

VLw pessoal


-------------


Postado Por: Igor (Matão-SP)
Data de Publicação: 08/05/06 as 22:58
Cara....parabens, e muito obrigado pelas dicas.........to aqui acompanhando...........parabens mesmo, são poucos os que aceitariam estar aqui passando essas dicas a todos, e sem nenhum onus por isso.....valeu velho.

-------------
Igor Batera


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 10/05/06 as 04:11
obrigado por vocês creditarem em mim, pois é díficil as pessoas reconhecerem algo, ainda mais de graça, não me importo com isso, o que quero é ajudar as pessoas é isso aí sempre, em relação a mola apertada não seria uma boa para adquirir resitência, o ideal é usar aquelas pantorrinhas de peso nas batatas das pernas, usando a mesma ten~soa que usa para tocar, começe com menos de 1 quilo e aumente no máximo 2 quilos no total , treine por dia até una 10 minutos, senão acaba acostumando com esse peso extra, e depois será díficil reencontrar o ponto ideal, treine sempre 1 com peso para 2 sem peso, ou seja, o dobro sem o uso do peso

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 10/05/06 as 04:13

segue um solo que fiz esse ano , em fevereiro precisamente, é cheio de elementos sobre pedal duplo, confiram, pois estarei colocando músicas do meu cd solo, com o uso deste recurso para comentarmos, valeu!

segue o link para o download do solo, lembrando que ele inspira em 7 dias, valeu!

http://download.yousendit.com/9F7D5E6F692958BA - http://download.yousendit.com/9F7D5E6F692958BA



-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 10/05/06 as 04:20

segue a primeira música que irei postar aqui neste tópico, ela se chama Queops, é do meu primeiro cd solo, chamado ENIGMATICA, lançado em julho de 2005, gravei em minha cidade mesmo, aqui em Macaé / Rio de Janeiro, e a bateria que usei é de meu patrocínio, uma Odery Studio Master Series, do ano de 2003, laqueada em pinho natural com 4 tons,2surdos, um bumdo com pedal duplo e uma caixa.os pratos é de outro patrocinador a Krest, usei muitos splash`s, crash`s, Chinas, natbell`s e dois rides diferente, além de uma linha de percussão da LP e CP com cowbell`s apenas! as peles que usei nas gravações foram Evans G2 nos tons e surdos, na caixa evans STDry, nas respostas peles Pearl finas e Evans resonant, e no bumbo uma pele Pearl da bateria Pearl Export do ano de 2000, com anel abafador, eu menionei tudo para saberem como foi a afinação e equalização, os microfones foram Lesson kit completo, um Shure SM20 na caixa, e TEV nos tons e surdos

segue o link para download, lembrando que inspira em 7 dias, valeu!

http://download.yousendit.com/AE2387F21D303F6B - http://download.yousendit.com/AE2387F21D303F6B

 



-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 10/05/06 as 04:37
qualquer dúvida é só perguntar!

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 11/05/06 as 15:50

O controle motor

 

 Este nome é uma referência ao controle de toques constantes entre os dois pés, ou seja, toques sem intervalo de tempo. Por isso esse conceito é chamado de "controle motor". Este tipo de referência se dá pelo fato também que o controle deverá ser sempre intensificado, e ao mesmo tempo igual! Um estudo muito eficaz para esse domínio seria o estudo da dinâmica, que será estudado mais para frente.

 

 

Estudo de semicolcheias e fusas

 

 Esse  dois elementos de divisão do tempo são de extrema importância para o desenvolvimento do controle e resistência física! Para estudar com o uso desses elementos é importante ressaltar que o andamento deverá ser o méis lento possível, afim de ajudar na divisão de maneira precisa e sem esforços físico exagerados. Pois se exceder seus limites físicos poderá comprometer todo o tônus muscular.

 Desenvolva primeiramente o uso de semicolcheias com os pés, e em seguida junte os toques dos pés e mãos simultaneamente. Para posteriormente trabalhar com as fusas do mesmo modo. Uma idéia muito boa para melhorar o controle é combinar sempre os exercícios estudados, ou seja, executar trechos que misturem os exercícios estudados,  afim de ajudar a entender a utilização das divisões entre si.

 

Estudo das quiálteras

 

 Nesta parte o baterista terá que estar muito treinado com os exercícios anteriores, pois caso contrário, será uma ida em vão! Para que isso não ocorra dê um  analisada nos estudos anteriores, e passe a recapitular todos os exercícios para fortalecer a idéia de divisões rítmicas. Poderemos estudar as quiálteras de três e sete, pois com essas duas o  estudantes terá mais capacidade de assimilar as divisões propostas por elas, afim de no futuro executa-las sem problemas! Estudo sempre com um metrônomo, e utilize primeiramente o estudo das tercinas, "quiálteras de três", depois estude as quiálteras de sete, e por fim combine as duas.



-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: Gustavo.BNU.
Data de Publicação: 12/05/06 as 03:02

MUITO BOM!!!

Cara sinceramente você está de parabens, poxa você esta nos ensinando muita coisa importante que se fosse fazer uma aula ia levar muito tempo para pegar isso, e valeo pela iniciativa disso ai cara, continue que você está mandando muito bem... Você vai longe com essas suas atitudes cara.
Abraço!



Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 12/05/06 as 04:57
obrigado, apenas estou fazendo que posso fazer, ajudar de graça apenas de coração!

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: AndersonNew
Data de Publicação: 16/05/06 as 15:01

cara otima iniciativa, parabems mesmo!!

e aproveitando eu queria tirar uma duvida, vc falou sobre a mola e tal q a diferença na tensao para cada perna pode ser interessante e por ai vai, mas vc nao falou qual tensao é usada em geral, tipo no geral as  molas devem ficar mais ou menos tensionadas para alcançar mais velocidade?, em geral bateristas q tocam rapido usam qual tensao? , eu pergunto isso pq é mais facil usar de um modo q alguem ja usou, pq a galera sempre fala no lance de testar e tal, mas é bom testar ja sabendo o q pode acontecer pra nao ficar muito perdido.

grande abraço, parabems novamente, e ate mais



-------------
Anderson//fist in nail


Postado Por: K-uê O!
Data de Publicação: 16/05/06 as 15:47
é por isso que vc lesionou a perna! usar peso? Vc desde criança acostumou com um tipo de peso nas pernas, de repente seu pé fica mais pesado que a coxa, ainda mais com um exercício q exige um esforço a mais das coxas e batata da perna... não aconselho não. É melhor ser paciente e evoluir a seu tempo do que buscar um resultado rápido usando artifícios q podem machucar sua performance. O barato sai caro...

De resto, curti pacas, só não concordei mto com o esquema da pele muda... sim, ela tem um rebote acentuado, mas isso força vc a controlar melhor o rebote do seu pedal e sua baquetada.
óbvio que nunca vai ser igual, mas eu acho válido o uso de pele muda no estudo... O que eu faço é dosar, usar um pouco de cada (com controvérsias da minha mãe ahahahah)...


-------------




Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 17/05/06 as 15:24
na verdade este estudo com pesos, eu executei por 4 meses, e por um período de 20 minutos ao dia, cinco vezes por semana, é um estudo de fisioterapia com acompanhamento de um profissional, e a lesão da qual mencionou eu já tenho desde uns 5 anos atrás, e esse treino foi justamente para ajudar a reforçar a musculatura lesionada, isso não é problema, a não ser que exceda, daí realmente irá acarretá em uma lesão, o efeito será contrário ao mencionado acima! a musculatura depende de repetições e exercícios extra, para que tenha um reforço, isso é estudado, não é de qualquer jeito, isso eu entendo, pois trabalho com pessoas capacitadas que já trataram até o jogador da seleção brasileira o Bebeto!

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: K-uê O!
Data de Publicação: 17/05/06 as 15:57
Ah sim, agora tá esclarecido!

A galera lê q vc fez treino com pesos e acha que pode fazer tb, de qualquer jeito, pegar o peso e mandar ver... mas agora vc esclareceu, tá ok! pq é assim mesmo q tem q ser feito, vc usou peso com a ajuda de um profissional, pra recuperar uma perna lesionada.

Mas ainda acho que não seja recomendável pra adquirir resistência...


Aproveitando aki, vc pode hospedar o solo novamente?? o download expirou lá no yousendit, e eu quero!


-------------




Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 18/05/06 as 00:32

estarei colocando o solo novamente tranquilamente

Erros comuns no estudo das divisões rítmicas

 

Para ter a certeza de que está tudo indo bem, é importante sempre analisar o que está sendo feito, para que não ocorram  erros no futuro. Para isso é necessário estudar sempre com o uso do metrônomo, pois sem ele ficará impossível detectar os erros!  erros esses que dividiremos em: andamentos, dinâmica e divisões rítmicas

 

Os andamentos - principal aliado de qualquer baterista, em qualquer situação, seja ela na música ou em solos, os andamentos determinam o que um baterista pode estar fazendo em relação a essas duas idéias, ou seja, utilizar andamentos certos para adaptar as levadas nas músicas ou solos. Então se preocupar com os andamentos, é de suma importância para se alcançar uma execução perfeita.

 

Dinâmica - sem ela é impossível um baterista tocar em conjunto, ou até mesmo em solos, pois ela define as emoções de uma música, ou as nuances de um solo bem feito, imagina tocar sem dinâmica, seria um tanto massivo por exemplo em um show que o baterista forçasse na altura o tempo todo, sem nuances em relação aos refrãos, solos de guitarra e parte vocais. Por isso devemos ter atenção com ela para que não ofusquemos a música, por causa do excesso de força, ainda mais se tratando do uso de dois bumbos!

 

Divisões rítmicas - são responsáveis por toda a música que conhecemos, pois elas desempenham um papel fundamental na estrutura  musical. Com as divisões rítmicas podemos  entender melhor o que se passa em uma música, ou solo de bateria, pois elas definem os padrões de execução, e o tempo de duração de cada nota, ou ainda podem nos auxiliar a compreender porque um tempo pode ser dividido. Sem elas não haveria música, sendo ainda que os bateristas dependem exclusivamente delas. Então saber ler é fundamental para quem quer estudar bem qualquer técnica existente para bateria. Seja ela de mãos ou de pés, o que realmente vai fazer a diferença de um baterista completo é a capacidade de saber ler!

 



-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 18/05/06 as 05:08
estudar sempre com o auxílio de um metrônomo!

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 18/05/06 as 05:21

segue o solo com uso do pedal duplo para nosso amigo K-uê O!

este solo é um pouco grande, e vai expirar em 7 dias, ele tem uns 5 megas, certo? mas está com uma gravação muito bem feito e a captação do audio perfeita, para os que amam solos de bateria e gostam de pedal duplo, confiram, detalhe que usei meu pedal duplo Pearl Power Shift Eliminator com correntes duplas. as peles que usei são Evans G2 e a bateria como todos sabem é minha Odery Studio Master Series modelo 2003, feita especialmente para mim nas medias. 6x7, 8x7, 10x8,12x8, 13x8, surdo de chão 14x14, bumbo 20x16 e caixa 13x3.5, todos de meu patrocínio, pois esta gravação foi  em janeiro de 2006.

segue o link para o solo

http://www.yousendit.com/transfer.php?action=download&ufid=10F10CA612A0B471 - http://www.yousendit.com/transfer.php?action=download&uf id=10F10CA612A0B471



-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 18/05/06 as 22:58

Usar pedal duplo ou dois  bumbo?

 

Um questionamento muito comum entre os bateristas, mesmo os mais experientes é sobre o uso desses dois artefatos, pedal duplo ou dois bumbos? Então é uma escolha pessoal, sendo que na verdade o mais aconselhável seria o uso de dois bumbos, isso pelo fato que o pedal simples estaria posicionado a par de cada pele, de seus respectivos bumbos, daí a pressão exercida e velocidade seriam mais proveitosas, devido a ação mais rápida do pedal diretamente tocado na pele. Para entendermos melhor essas situações dividiremos em duas parte: uma sobre o uso de dois bumbos e a outra do uso do pedal duplo.

 

Uso de dois bumbos - usar dois bumbos é sem dúvidas a melhor escolha para quem quer ter velocidade e controle, isso pelo simples fato que ao usá-los, o baterista teria a seus pés dois pedais simples para cada bumbo, o que resulta em maior velocidade, maior controle e ainda mais resistência, isso devido a ação direta da maceta e pele,s em intervalos de tempo, ou atritos de um batedor em relação ao outro, coisa que é muito comum aos que usam pedal duplo! Para obter mais pressão sonora e uma  sonoridade "estéreo" o uso de dois bumbos é imprescindível, de fato usa-los só trará mais benefícios do que problemas! Mas como tudo na vida também tem o seu lado negativo, ou melhor, seus "contras", não seria diferente com o uso dos dois bumbos. Sendo assim poderíamos mencionar apenas dois fatores negativos na utilização deles, um seria: o transporte deles para ensaios, gravações e shows; o outro seria: o espaço que eles ocupam em uma sala de ensaio, em um estúdio de gravação, no palco, e ainda a sonoridade, pois como são dois bumbos, eles podem ter diferenças de som, mesmo assim existe  bateristas que preferem essa diferença sonora, justamente para diferencia-los! Os melhores bateristas na arte de dois bumbos, realmente são adeptos ao uso deles, pois não trocam seu uso pelo uso do pedal duplo, isso pelo nível de qualidades que eles podem oferecer nas suas performances, e ainda se tratando de estética, eles em um palco sobressaem.

 

Uso do pedal duplo - então o mais usado entre 9 de 10 bateristas na atualidade, esta ferramenta de fato é uma "mão na roda", isso se tratando de praticidade, mas como tudo que é prático pode também comprometer o uso, não seria diferente com o uso do pedal duplo, isso porque ele afeta em muito a velocidade e controle do baterista, este fato realmente acontece até mesmo com pedais tops de linha, mas vale ressaltar que existem pedais que chegam bem próximo da realidade de comparação aos dois bumbos, mas são muito caros! Mesmo assim ainda temos aquele atraso que em uma execução mais rápida faz a diferença. Os pontos negativos do uso do pedal duplo, seriam: o atraso que decorrente do eixo que conecta ao pedal remoto, a sensibilidade aos toques mais sutis, o abafamento de um batedor tocando na pele, mutar o som do outro.

Mas também existe  os pontos positivos, como por exemplo: a praticidade e comodismo de poder leva-lo sem ocupar muito espaço, ou ocupar espaço aonde possa tocar, a rapidez de monta-lo, o preço e a vantagem de sonoriza-lo sem precisar comparar o som do bumbo com outro.

 

Então o mais importante é a adequação do baterista com sua realidade, pois nem sempre poderemos usar os dois bumbos, a não ser que tenha um esquema muito organizado para que isso sempre ocorra. Caso contrário se o baterista acostumar com os dois bumbos nos treinos e ensaios, e na hora do show ele levar um pedal duplo para fazer sua apresentação, com toda certeza vai estranhar ou até mesmo errar. Para que isso não ocorra tente sempre usar nos shows o que usa nos treinos e ensaios, e vice-versa!

 



-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 19/05/06 as 14:14
alguma dúvida? posso continuar?

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 19/05/06 as 14:16

uma dica muito boa para fazer um apele nova se assentar de maneira mais rápida é esticar ela até quase o seu limite, um pouco abaixo desse limite, é claro, e deixar ela ficar esticada no tambor por 12 ou 24 horas, depois abaixe toda a afinação e recomeçe afinando até chegar ao som desejado!

isso serve para peles novas!



-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 19/05/06 as 16:04
corrente ou fita, este assunto ieri abordar mais tarde, pois é de muita importância para a velocidade e controle, em relação a resistência usar pesos não atrapalha, e não faz mal, o que deverá ser feito é ter um acompanhamento profissional qualificado, e começar com pesos de meio quilo!

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 19/05/06 as 16:07

os melhores pedais da atualidade são:

DW 5000 delta turbo

Pearl Power Shift Eliminator

Tama Iron Cobra

Axis

Gibraltar Intruder II

Mapex Janus

 

 



-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 19/05/06 as 16:08
o de melhor custo benefício é o Gibraltar Intruder II por ser o mais barato, muito resistente e muito macio!

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 19/05/06 as 16:12

um pedal muito especial é o axis, ele é feito com tecnologia da NASA e é usado aqui no Brasil por Igor Cvalera, Douglas Las Casas e o João Barone também tem um, mas usa o Tama Iron Cobra por motivos de patrocínio o site deste pedal é

http://axispercussion.com/ - http://axispercussion.com/



-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 19/05/06 as 16:27
o pedal da Pearl também é uma excelente opição em termos de tecnologia e resistência, e muita velocidade, caras como, Vinie Paul, Eric Singer e Virgil Donati, usam este pedal

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 19/05/06 as 16:30
cuidados com o equipamento também ajudam em uma boa performance, este tema irei comentar mais para frete, aguardem!

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 19/05/06 as 16:31
se não puder comprar esse pedais mencionados acima, compre primeiro um pedal mais barato para estudar, depois não tem jeito, daí terá que comprar um bom mesmo para poder evoluir!

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 19/05/06 as 16:32
 a ADAH fabrica uns pedais mais baratos e bons, a RMV tem esse duplo que também é bem macio e resistente! ambos com preços bons

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 19/05/06 as 16:34
não utilize pedais com regulagens folgadas, isso poderá prejudicar seus joelhos!

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 19/05/06 as 16:37
tomem cuidados com o eixo de ligação entre o pedal remoto, ele é de suma importância para um bom funcionamento de todo o conjunto, nuna trasporte o pedal duplo montado, poderá afetá-lo!

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 19/05/06 as 16:38
se a sapata começar a correr para um lado e para o outro, é sinal de folga na dobradiça, ou na junção da sapata com a base do calcanhar, isso é muito comum acontecer, providencie a troca da peça ou conserte a mesma!

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 19/05/06 as 16:39
não exceda nos treinos, treine o suficiente para não se desgastar e desistir de treinar, pois treinar muito também pode fazer mal

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 19/05/06 as 20:31
Procure estudar bateristas que utilizem os dois bumbos de maneira criativa, não apenas os que só fazem o uso da velocidade!

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 19/05/06 as 20:33
quem se adapta a algum estilo deverá adaptar o uso do pedal duplo ou dois bumbos ao mesmo, para que não ocorram divergências rítmicas !

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 19/05/06 as 20:45
estudar com pads também ajuda no controle

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: Ricardo Voodoo
Data de Publicação: 20/05/06 as 04:30

Amanhã vou pegar meu pedal duplo (RMV PHK 2000...é o que deu com a grana...) e vou acompanhar bem esse tópico aqui!

Metal Up Your Ass!!



-------------
http://www.twitter.com/ricardodavid - Twitter
http://www.youtube.com/user/voodoodrums1981 - Youtube
http://www.myspace.com/80eras - Minha Banda: 80 Eras


Postado Por: Diego_drummer
Data de Publicação: 20/05/06 as 05:45
kra to com um DW 5000 + ele eh tipo mtu rapido pra mim!!como q eu faço??keria troca uma ideia sobre issu com vc!!!
abraçoss
vlw por tudo!!

-------------
Pearl Export Com Sabian AA e AAX, Wuhan China e Zildjian Ride, Pedal:DW5002 Acceletator , Hardware:Pearl


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 20/05/06 as 06:02
os DW`s por natureza são mais rapidos mesmo, o melhor a fazer é tentar todas as regulagens possíveis, ou seja, tente aumentar a altura da maceta, depois diminua, tente uma tensão de mola mais macia ou média, a distância do batedor em relação a pele deverá ser mais ou menos de um palmo, ou um pouco menos que isso, tente também ver a altura da sapata, quanto mais alta mais rápido fica, então gaste uns dias ajustando o pedal até chegar num concenso, pois tenho um pedal da Pearl eliminator que me deu a maior dor de cabeça, até hoje não achei a regulagem ideal, já tenho ele uns três anos, então quanto mais regulagens e recursos tem um pedal, mais difícil será ajustá-lo, certo?

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 20/05/06 as 06:04
o pedal RMV PHK 2000 é muito bom, apesar de ser bem mais barato, a qualidade deixa muitos tops, de boca aberta com a relação tecnológica empregada em sua construção, bom pedal!

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: Dion
Data de Publicação: 20/05/06 as 07:20

Bacana o tópico.

Acabei de ler ele inteiro.

Não sou novato na batera, toco a uns 9 anos já, realmente suas dicas são ótimas, tudo o que você está passando pra galera, eu tive que pagar pra um professor.

Falando de regulagens de pedal, isso é um problema, ele NUNCA fica 100%. hahaha

Eu tinha um DW5000, regulei ele 95% só, agora passei pra um DW9000, vamos ver se eu consigo deixá-lo a meu gosto.

Parabéns pelo tópico, suas dicas são ótimas.

Ah, se tiver como disponibilizar seus solos pra gente ouvir, eu não consegui baixar os outros.

Abraço.



Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 20/05/06 as 07:30

obrigado segue então um solo de JAZZ, este solo foi gravado este ano, em meu estúdio com sistema analógico de gravação, e apoio de um pc com o sonar para registrar este solo!segue o link para este solo abaixo, ele tem até uns lances de pedal duplo, mas é mais técnicas de pivô, Drags eritmos combinados no final dele! estarei colocando mais solos aqui, aguardem!valeu, orbigado!

http://www.megaupload.com/?d=FMRWGGWC - http://www.megaupload.com/?d=FMRWGGWC



-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 20/05/06 as 07:37

este outro solo é de 10 minutos, imenso, e tem muitas levadas de pedal duplo, é muito bom para quem gosta de peadl duplo! segue abaixo o link para o download, mais uma vez obrigado! gostaria de saber se existe um programa para que eu possa compactar um solo de 10 minutos que tenho em video?

http://www.megaupload.com/?d=47Q57XKO - http://www.megaupload.com/?d=47Q57XKO



-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: paulorocks
Data de Publicação: 20/05/06 as 15:48

ow...

sei que essa resposta está um pouco atrasada...

é pro cara q tava reclamando do excesso de rebote da pele muda...

pq vc não tenta tirar a pele de resposta...

com cereteza o rebote vai diminuir bastante...

 

ótimo tópico kra...

flw



-------------
PAULO HENRIQUE VERRI
Sudarium
BB JOE


Postado Por: aldogomes
Data de Publicação: 21/05/06 as 00:45
Originalmente postado por gustavoteixeira gustavoteixeira escreveu:

obrigado segue então um solo de JAZZ, este solo foi gravado este ano, em meu estúdio com sistema analógico de gravação, e apoio de um pc com o sonar para registrar este solo!segue o link para este solo abaixo, ele tem até uns lances de pedal duplo, mas é mais técnicas de pivô, Drags eritmos combinados no final dele! estarei colocando mais solos aqui, aguardem!valeu, orbigado!

http://www.megaupload.com/?d=FMRWGGWC - http://www.megaupload.com/?d=FMRWGGWC

Amigo, de jazz esse solo não tem nada, ficou abaixo das minhas expectativas, faltou nesse solo mais sentimento, mais melodia, vc tem uma certa técnica mas infelizmente não me agradou.....desculpa a sinceridade, valeu!!!!!!



Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 23/05/06 as 14:07
tranquilo agradar a todos é algo impossível, nem Deus que é Deus agrada! não é?

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 23/05/06 as 14:42

Tipos de batedores

 

Esse tipo de equipamento com certeza influencia na maneira de tocar, pois além de diferenciar o tato, ele diferencia o som, então são duas coisas que nos prejudicam se não forem levadas a sério. Então como escolher o tipo de batedor mais adequado as necessidades reais? Primeiro vamos  relacionar os tipos existentes no mercado atualmente, seriam eles: de feltro, de plástico e de madeira, são os mais usados e mais conhecidos, por isso iremos nos basear nesse três tipos existentes.

 

Poderemos analisar cada um detalhadamente em relação ao peso, velocidade que ele exerce durabilidade e sonoridade.

Segue então assim:

 

Batedores de feltro- são os mais usados e mais conhecidos no mundo, são os mais leves, pois como são confeccionados em feltro, um material tipo tecido compactado, que proporciona maciez ao toque, parecendo ser acolchoado. A velocidade que ele exerce é para o mais devagar, como é um tipo de tecido, seu rebote faz com que ele absorva o impacto, fazendo com que o pedal fique mais lento. Sua durabilidade é menor e requer sempre a troca deste artefato, e a sonoridade seria como se o bumbo estivesse abafado naturalmente, parecendo com um som meio que "aveludado", bem suave. Para facilitar a compreensão e comparação entre os três tipos no final estará uma lista com os tipos e características de cada um.

 

Batedores de plástico - embora não sejam tão antigos, eles estão começando a dominar o mercado agora, pelo simples fato que eles têm atributos que lhe conferem o reconhecimento dos bateristas modernos. Isso devido a questões simples, sendo assim primeiramente em relação a velocidade, da qual se obtém com mais facilidade do que com os batedores de feltro que cansam mais devido a absorção de impactos na pele, então os de plásticos são mais duros e não absorvem esses mesmos impactos, gerando assim mais impulsão e rebote sobre a pele e o mesmo. São mais pesado, porém como são maciços eles tendem a compensar para mias essa diferença entre os de feltro. Sua durabilidade é consideravelmente superior aos de feltro, isso devido ser maciço e não absorver os impactos nele. E a sonoridade é a que agrada mais aos bateristas que gostam de um som com mais kick, ou seja, mais definição ao toque! Sendo assim tem como característica sonora um som mais agudo, onde se percebe o primeiro toque, é excelente para o uso de flams! E bateristas adeptos a velocidade!

 

Batedores de madeira - esses batedores são menos conhecidos de um modo geral, mas muito usados por bateristas que gostam de mais impacto sonoro, além de mais rebote! A característica desse tipo de batedor é a precisão dos toques e uma definição absolutamente notável! O único porém é que são mais pesados e por isso o tipo de mola a ser usado no pedal, deverá ser condizente com essa realidade. A velocidade estará implicada neste quesito, pois também dependerá do tipo de mola para compensar essa diferença de peso entre os tipos de batedores mais leves. A sua durabilidade é excelente, pois como são maciços eles duram mais e tem mais resistência nos impactos. E o som é o ponto forte deste tipo de batedor, pois sendo denso e liso, ele proporcionará um som mais definido do que os de feltro, e mais volumoso do que os de plástico.

 



-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 23/05/06 as 14:45
em relação a meus solos, estarei postando videos de solos que eu fiz no começo deste ano, e estão gravados com uma qualidade excelente, pois foram gravados com sistema analógico de áudio, e estão separados em 5 partes de mais ou menos entre 20 e 30 megas, confiram no tópico elaboração de solos por gustavo teixeira, na seção aulas e estudos aqui mesmo, valeu!

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 23/05/06 as 14:50
solos são diferentes de solos com combinações harmoniosas, no caso do solo de jazz que emncionei não atribui este recurso, mesmo porque é um solo livre, até DEnnis Chammbers, quem teve a oportunidade de ver este mostro na sua frente como eu tive no Zildjian Day de 01 de outubro de 1997 na estação vergueiro de metrô em São Paulo Capital entenderá o que eu quero dizer, o cara é o cara em jazz moderno com utilização de pedal duplo e clichês modernos, nãoa queles solos chatos de Tony Willians, eles são bateristas ultrapassados, os novos bateristas são e sempre serão os melhores, para quem estuda realmente o assunto sabe o que quero dizer, mas para não desfocar o nosso tópico, não irei falar aqui, então entre no meu tópico sobre solos e entenderá a proposta deste solo de jazz moderno, no calibre de Mike Stern, entenderam? senão entrem lá e analisem o estudo aprofundado de anos sobre o assunto antes de ficarem falando coisas do tipo que não agradam e por aí vai? sem ressentimento ou raiva, apenas antes de falarem tentem compreender as idéias, por isso muitos músicos bons pagam com a língua, é só uma dica!

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 23/05/06 as 14:57
sentimento em um solo é algo que todos tem, depende de como ele é feito, para não ficarmos nos estendendo um solo de heavy metal tocada ao extremo, tem sentimento, agora dizer que um solo de um cara tal não tem sentimento, daí é melhor ser entitulado como macumbeiro ou mãe diná, nadegas a declarar, sem raiva! pois decifrar algo que não é real, e que eu fiz com o maior amor de mais de 14 anos de estudos, é meio inválido e inapropriado para este tópico, onde est~~ao pessoas que me respeitam e são verdaderios estudiooso de bateria, tente estudar mais, pra anão ficar com seu tempo ocioso a ponto de falar coisas sem nexo, estude , aprenda, consulte, seja humilde, mesmo aquele cara que não toca nada, não podemos sair por ai falando que o solo que ele vez é uma merda! não é assim, certo amigo? nunca despreze e nunca fale mal em público de alguém que ache não ser bom, pois assim criamos inimizades e todavia podemos ser taxados como os melhores, ser melhor não significa ser famoso, ou ser querido, isso eu sei tenho milhares de experiências com músicos, bandas e artistas famosos que já toquei, eu não sou o melhor, sou melhor indivíduo a cada dia, como ser humano, ser baterista para mim, é algo melhor que ter uma religião, é simplesmente minha vida! só isso, dependo dela para sobreviver, então não pdoemos sair falando assim das pessoas!

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 23/05/06 as 15:01
lembrando que este tópico é sobre estudos de solos e não de jazz ou coisas parecidas, se for assim procurem algo que seja desse tipo, aqui no fórum tem excelentes bateristas de jazz, certo? para não desfocar aqui também procuro compartilhar minhas experiências como músico profissional com pessoas que procuram ajuda, é isso aí amigo, sejamos unidos por um mundo meplhor, sem essa de religião, política ou cor, sejamos unidos independentes de que time torcemos, é só isso! qualquer coisa estou aberto para críticas, sejam elas construtivas é claro, gostariam se alguém falasse que seu trabalho é um lixo, que demorou meses para fazer tal, ninguém gostari, certo, grande abraço a todos e desculpem se me extendi nesse assunto desfocado e infeliz!

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 24/05/06 as 05:34
posso continuar nosso estudos? valeu pessoal!

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 24/05/06 as 05:37
estou postando um video em que fiz um solo de 10 minutos, está aqui nesta seção, podem conferir lá, tm muito o uso do pedal duplo!

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: AndersonNew
Data de Publicação: 24/05/06 as 14:03
opá, manda ver ai!! pode dar continuidade , mas ae, tem
como vc falar um pokim sobre a mola e as diferentes
tensoes usadas, e tb a distancia do batedor em relaçao a
pele, e a altura do batedor, q são detalhes q nao
consigo acgar nenhum comentario, e pra quem ta começando
essas regulagems sao de enorme importancia   , valeu
ae, tudo de bom

-------------
Anderson//fist in nail


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 25/05/06 as 06:21
molas e suas tensões, distância e altura do batedor ficarão mais para frente, estarei falando sobre isso sim, pois é de suma importância para uma boa performance, grato, aguardem!

-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: gustavoteixeira
Data de Publicação: 25/05/06 as 06:22

Desenvolvendo a resistência

 

Esta parte é sem dúvidas a mais procurada por 10 em 10 bateristas que usem pedal duplo, ou dois bumbos, isso pelo simples fato que o que geralmente fazemos com as mãos, achamos que é possível fazer com os pés, realmente poderemos fazer coisas iguais com os pés, mas para isso precisaremos aprender a dominar os toques simples, duplos e estudar bem as semicolcheias e fusas para depois começarmos a tentar estudar a resistência!

Sem a resistência muscular nunca chegaremos a próxima etapa que é a que todos os bateristas que estudam e tocam pedal duplo, ou dois bumbos procuram, a "velocidade", sem resistência não haverá velocidade, lembrem-se disso!

Para realizarmos com perfeição esta etapa precisaremos utilizarmos algumas dicas importantes , que contribuirão com este desenvolvimento.

 

 Primeiro vamos dividir os estudos da resistência em quatro partes, nesta ordem: análise dos movimentos, exercícios extra bateria, exercícios de aquecimento e estudo de persistência muscular. Parece complicado, mas é mais simples do que imaginam, esta etapa é a mais importante para quem quer realmente aprender de vez a utilizar o pedal duplo, ou os dois bumbos!

 

Análise dos movimentos - esta etapa inicial se refere a fazer uma análise de sua postura, a altura do banco e os tipos de tensões da mola, como todo o conjunto relacionado aos ajustes do pedal, ou pedais!. Para que isso seja feito com bom aproveitamento, deveremos verificar como fazemos os movimentos dos joelhos e pés, para depois irmos adiante, tente ver se seus joelhos não estão rotacionando, se for esse o caso tente endireitá-los a ponto de que fiquem retos, fazendo um movimento de subida e descida, e não um movimento lateral, pois poderá acarretar lesões serias. E os pés deverão estar bem confortáveis sem esforço excessivo, para identificar isso, é necessário que os pés sempre estejam na linha da sapata e nunca saindo dessa linha, alguns bateristas até utilizam um recurso de toques laterais de dentro para fora, ou de fora para denrto, não está errado, é uma questão de gosto!

 

 



-------------
http://imageshack.us/photo/my-images/208/bunerbatera.jpg/" rel="nofollow">

Uploaded with <a href="http://imageshack.us"


Postado Por: delap
Data de Publicação: 25/05/06 as 13:58

Polêmica no ar!!! Vai começar mais uma  uma briga.

1º o amigo Aldogomes em nenhum momento falou que seu solo é um lixo ou uma merda.

2º você diz ser aberto à críticas, mas quando é criticado você leva pro lado pessoal.

3º você disse que o que ele falou não tem nexo? Só tem!

4º você diz que ninguém deve sair desmerecendo o trabalho de ninguém e tal...Vc vem e tenta desqualificar uma em a pessoa que teceu um comentário que é óbvio. Seu solo não tem nenhuma linguagem de jazz. No mínimo eu o poderia considerar fusion.

5º O comentário mais infeliz que você tenha feito é sobre dizer que os solos de Tony Williams são chato e ele e outros são ultrapassados. Que é isso? Talvez você precise ouvir Elvin Jones, Jack deJonhete e tentar fazer um solo chato daqueles. Pra uma pessoa que se diz professor esse é um tipo de comentário  inadimissível.

6º Dennis chambers é batera de jazz. Apesar de tocar muito, ele ´se enquadra no fusion, assim como o som de Mike Stern.

Se quiser conhecer jazz moderno ouça Chris Potter com Bill Stwart na batera.

Espero que não leve pro lado pessoal.

valeu!



Postado Por: AndersonNew
Data de Publicação: 25/05/06 as 14:17

espero mesmo q ele nao leve pro lado pessoal uhaua , pq as dicas estao muito boas , vai q ele desisti de ajudar rsrs, mas ae criticas sao construtivas, com certeza cada um ve vom os olhos q tem e entende com a cabeça q quem , se todo mundo conseguir se dividir para aceitar certas coisas e criticar outras ta otimo, entao ao meu ver parabems ao criticado e ao criticador, pq de alguma forma alguma foi somada a nós nesse assunto . mas agora manda mais dicas ae uhauaha nao vejo a hora das dicas sobre mola rsrs , boas batucadas  a todos ae ......... vamu ver se agente sai igual uma metralhadora depois desse treinamento uahuaha , quem me dera uahuaha



-------------
Anderson//fist in nail



Imprimir Página | Fechar Janela