Batera.com.br
Fórum Inicial Fórum Inicial > Fóruns Públicos > Aulas e Estudos
  Novas Mensagens Novas Mensagens RSS Feed - Método Murray Spivack
  FAQ FAQ  Pesquisar no Fórum   Eventos   Registrar Registrar  Entrar Entrar

Método Murray Spivack

 Responder Responder Página  <1 1011121314>
Autor
Mensagem
 Classificação: Classificação do Tópico: 3 Votos, Média 5.00  Tópico Pesquisar Tópico Pesquisar  Opções do Tópico Opções do Tópico
Luciodrum Ver Drop Down
Iniciantes
Iniciantes
Avatar

Cadastrado em: 23/08/13
Localização: Brasil
Status: Desconectado
Pontos: 3
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar Luciodrum Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 10/03/14 as 06:28
O Professor Christian Oyens é grande conhecedor de Técnica de bateria e é claro grande músico em primeiro lugar . Tenho a honra de estar a quase 1 ano estudando com o Chris e pra mim tem sido fantastico eu recomendo a todos Independente de estilo e nível. Muito bom saber que temos um blog pra discutir assuntos relacionados a Técnica Spivack . O vlog do Cássio Cunha com certeza será um sucesso também.

Editado por Luciodrum - 10/03/14 as 06:37
Voltar ao Topo
Links Patrocinados


Voltar ao Topo
chrisoyens Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar

Cadastrado em: 17/03/10
Localização: Rio de Janeiro
Status: Desconectado
Pontos: 506
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar chrisoyens Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 08/04/14 as 20:33
Oi Lúcio, obrigado pelos teus comentários. Vc poderia comentar com a gente sobre o teu contato com o Dave Weckl com quem vc teve aula recentemente em Los Angeles. Achei muito interessante tudo o que vc comentou comigo. Vc poderia dividir isto com a galera daqui? Valeu e parabéns ploe teu progresso! Abraços
Aulas por Skype: chris.oyens@gmail.com
Voltar ao Topo
Luciodrum Ver Drop Down
Iniciantes
Iniciantes
Avatar

Cadastrado em: 23/08/13
Localização: Brasil
Status: Desconectado
Pontos: 3
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar Luciodrum Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 08/04/14 as 23:45
Olá pessoal, primeiro gostaria de dizer que é um prazer fazer parte deste fórum e dessa forma podermos trocar informações e nos manter firmes nesse maravilhoso processo de desenvolvimento técnico e musical dos tambores. Meu nome é Lúcio e sou músico desde os 13 anos de idade. Tive a honra e o privelégio de conhecer e ter aula com muitos músicos maravilhosos e que fazem parte do nosso cenário no Brasil e no exterior, tais como; Kiko Freitas, Cuca Teixeira, Douglas Las Casas, Bob Wyatt,Pascoal Meirelles, Renato Massa, Cláudio Infante,Robertinho Silva, Erivelton Silva, Márcio Bahia e....Há 2 anos tenho ido estudar nos EUA em busca de mais informações sobre o traditional Grip e lá tive aulas com; Peter Erskine, Will Kennedy, Keith Carlock, Steve Smith e Dave Weckl. Há 2 anos atrás quando encontrei com Dave Weckl a primeira vez, eu só tinha ouvido falar da Técnica Spivack, mas até então, nunca tinha tido contato com ela. Me chamou atenção quando Dave mencionou o Spivack em sua aula e alí naquele momento percebi que a técnica Spivack era algo que eu precisa ter contato.Não pelo fato do Dave Weckl dizer mas sim pela forma cuidadosa e acentuada do Dave Weckl da falar que o Murray foi muito importante em sua formação técnica.....passando esse contato com Dave ,eu conheci o Christian Oyens e ao saber que ele tinha estudado com Murray e  ensinava a técnica eu comecei a ter aulas. Agora depois de quase 1 ano estudando com o Christian tive novamente uma aula com Dave mas dessa vez foi uma aula particular na qual pude checar tudo que se refere a parte básica de técnica (que por sinal pra mim considero o mais importante) e nessa o Dave percebeu que eu estava estudando o método Spivack e gostou quando disse que havia uma pessoa no Rio de Janeiro que e que essa pessoa havia estudado com o Murray Spivack, depois de fazermos um aquecimento e passar por alguns toques simples e duplos Dave disse;- Lucio, você não tem problemas técnicos, e sim precisamos checar algumas coisas com o seu traditional Grip  (pegada que eu uso na maior parte do tempo) já que provavelmente seu professor não usa essa técnica......Aquilo me deixou impressionado pois ele sem me perguntar percebeu que pela forma que eu tocava, minha mão esquerda precisava de ajustes no fulcro e na relação do giro com o meu polegar, em contato com o indicador, pois quando eu subia, estava perdendo o contato com os Dedos e isso fazia com que eu tivesse a necessidade de mais movimentos para parar a baqueta, me forçando a usar muito mais dedos do que o necessário mesmo estando relaxado. Detalhe que isso acontecia tão rápido que eu nunca havia percebido. Enfim venho aqui relatar o quanto é necessário sempre mantermos nossa busca pelo aprendizado e reconhecer que temos pessoas aqui no Brasil que podem nos ajudar e devemos respeitá-las e procurá-las sim para aprendermos. Agradeço os grandes mestres que temos aqui e acho que podemos dar à eles o valor que eles merecem. Viva aos Bateras brasileiros. Obrigado mestre Christian Oyens. (vamoestudar#)
LV
Voltar ao Topo
Ezekiel Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar

Cadastrado em: 13/07/11
Localização: Volta Redonda
Status: Desconectado
Pontos: 2302
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar Ezekiel Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 09/04/14 as 00:08
Como é q é? vc tbm estudou com Dave Weckl? peraê, vou ali me suicidar e já volto CryLOL
Mano vc está falando com um grande fã dele agr (se bobear acho q o maior fã dele aqui no fórum sou eu LOLLOLLOLLOL) e só de ler isto q vc disse fico feliz. Mais um brazuca q estuda com ele, isso é bom, quem sabe eu um dia chego nesse nível Confused

PS.: nem precisava dizer q só de olhar ele manja, o cara toca dessa forma a mais de 30 anos, é considerado uma lenda viva, é um dos maiores educadores da atualidade, precisa de mais alguma coisa? só de olhar ele já percebe até como o seu professor anterior tocava LOLLOL
Instagram: @ezequielalves12 segue lá ;)

https://www.youtube.com/user/Ezekielbatera
Voltar ao Topo
Luciodrum Ver Drop Down
Iniciantes
Iniciantes
Avatar

Cadastrado em: 23/08/13
Localização: Brasil
Status: Desconectado
Pontos: 3
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar Luciodrum Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 09/04/14 as 00:28
Fala brother, sim estudei, e vou novamente ter aulas esse ano. Para manter o foco e continuidade do estudo. Eu tive cuidado ao explicar para ser neutro, e fico feliz de saber que você tem consciência e bom gosto pelo jeito. Grande Prazer e obrigado pela atençao.
Abraço
LV
Voltar ao Topo
Daarfarias Ver Drop Down
Iniciantes
Iniciantes


Cadastrado em: 13/12/13
Localização: Pelotas
Status: Desconectado
Pontos: 59
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar Daarfarias Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 09/04/14 as 03:08
Originalmente postado por Luciodrum Luciodrum escreveu:

Olá pessoal, primeiro gostaria de dizer que é um prazer fazer parte deste fórum e dessa forma podermos trocar informações e nos manter firmes nesse maravilhoso processo de desenvolvimento técnico e musical dos tambores. Meu nome é Lúcio e sou músico desde os 13 anos de idade. Tive a honra e o privelégio de conhecer e ter aula com muitos músicos maravilhosos e que fazem parte do nosso cenário no Brasil e no exterior, tais como; Kiko Freitas, Cuca Teixeira, Douglas Las Casas, Bob Wyatt,Pascoal Meirelles, Renato Massa, Cláudio Infante,Robertinho Silva, Erivelton Silva, Márcio Bahia e....Há 2 anos tenho ido estudar nos EUA em busca de mais informações sobre o traditional Grip e lá tive aulas com; Peter Erskine, Will Kennedy, Keith Carlock, Steve Smith e Dave Weckl.


Muito bom o seu relato, parabéns pela experiencia em estudar e conhecer tantos bateras tops. Eu também sou muito fã do Dave Weckl, e também gosto do Steve Smith e Will Kennedy. Eu utilizo as baquetas "Promark Signature Will Kennedy", pois as acho muito boas e me adapto muito bem com elas. 
Estou no inicio da estrada e depoimentos como este nos incentivam a prosseguir! Abraço
Voltar ao Topo
chrisoyens Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar

Cadastrado em: 17/03/10
Localização: Rio de Janeiro
Status: Desconectado
Pontos: 506
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar chrisoyens Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 10/04/14 as 03:15
Sensacional o relato Lúcio! Muito obrigado por tomar o tempo para dividir esta experiência conosco. Um motivo de orgulho pra mim saber que o Weckl aprovou o teu preparo técnico. Pra mim é mais uma demonstração de como estes princípios que me foram passados pelo Murray são eficazes, coerentes e acertados. 
Aulas por Skype: chris.oyens@gmail.com
Voltar ao Topo
hugo_stos Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar

Cadastrado em: 20/07/05
Localização: Santos
Status: Desconectado
Pontos: 2893
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar hugo_stos Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 10/04/14 as 07:43
Originalmente postado por Luciodrum Luciodrum escreveu:

Olá pessoal...(vamoestudar#)


Muuuuito interessante seu relato! Valeu por compartilhar! Fale-nos mais sobre suas experiências!!!
Voltar ao Topo
Ezekiel Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar

Cadastrado em: 13/07/11
Localização: Volta Redonda
Status: Desconectado
Pontos: 2302
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar Ezekiel Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 10/04/14 as 12:45
Originalmente postado por Luciodrum Luciodrum escreveu:

Fala brother, sim estudei, e vou novamente ter aulas esse ano. Para manter o foco e continuidade do estudo. Eu tive cuidado ao explicar para ser neutro, e fico feliz de saber que você tem consciência e bom gosto pelo jeito. Grande Prazer e obrigado pela atençao.
Abraço

Caraca mano, vc tirou a sorte grande, aliás, sorte enorme LOLLOL
Até onde sei o Dave tem uma quantidade limitada de alunos particulares por causa das turnês e talz. Se puder relate um pouco mais sobre essa experiência. Ah, é mt complicado conseguir um contato com ele ou até msm agendar uma aula? sabe como é né, daqui a uns 2 anos + ou - (até lá já devo estar falando inglês bem) gostaria mt de poder fazer algumas aulas com ele.
Eu sou meio suspeito pra ser neutro numa ocasião dessas, o primeiro batera q conheci quando comecei a tocar foi ele, seguido de Chambers, Colaiuta e Gadd. Primeiro vídeo q eu ganhei foi a Back to Basics (na época era fita k7), lembro até q imitava ele, a posição na batera, aquele jeitão torto da época, enfim, era o mini Dave LOLLOLLOLLOLLOLLOLLOLLOL

Instagram: @ezequielalves12 segue lá ;)

https://www.youtube.com/user/Ezekielbatera
Voltar ao Topo
SandroL Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar

Cadastrado em: 09/07/12
Localização: Canoas-RS
Status: Desconectado
Pontos: 535
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar SandroL Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 12/04/14 as 00:24
Esse método acho q já tenho algum conhecimento n tenho a velocidade q quero, mas uso ela certamente... Meu professor é fã do kiko freitas > que fez aula com > Weckl e usa o método circular...

Método fantastico por sinal, aproveita o rebote da baqueta, controle em notas fracas, como as ghost notes e por vai...
Voltar ao Topo
bonmitchland Ver Drop Down
Iniciantes
Iniciantes


Cadastrado em: 27/01/12
Status: Desconectado
Pontos: 72
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar bonmitchland Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 17/04/14 as 04:49
Essa fato que o Lucio expôs aqui no tópico só reafirma uma coisa (que ele mencionou, inclusive): Temos grandes bateras e grandes educadores aqui no BR também. Realmente é um privilegio ter aula com esse pessoal "da pesada".

Eu tive aulas com o Chris Oyens e afirmo: o método te dá uma consciência técnica e musical incrivel, proporcionando dominio sobre o instrumento (controle, musicalidade etc.). Mais rapido possivel retorno com meus estudos.

Super recomendado esse método!!

Abraço Chris!

Gabriel - Pelotas/RS
Voltar ao Topo
chrisoyens Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar

Cadastrado em: 17/03/10
Localização: Rio de Janeiro
Status: Desconectado
Pontos: 506
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar chrisoyens Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 17/04/14 as 15:05
Oi Gabriel! Agradeço o teu relato, obrigado! Aguardo para reiniciarmos as aulas. Abraço!
Aulas por Skype: chris.oyens@gmail.com
Voltar ao Topo
chrisoyens Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar

Cadastrado em: 17/03/10
Localização: Rio de Janeiro
Status: Desconectado
Pontos: 506
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (1) Agradecimentos(1)   Citar chrisoyens Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 20/05/14 as 15:30
No primeiro dia deste mês faleceu o grande músico e professor Chuck Silverman. Conheci o Chuck em Los Angeles. Ambos estudamos com os mesmos mestres, Richard Wilson e Murray Spivack. Nós vínhamos trocando emails ao longo dos anos sobre as nossas experiências repassando os ensinamentos dos nossos professores como também trocávamos postagens no fórum do site DrummerWorld sobre o método Spivack. Chuck veio ao Brasil algumas vezes, pois era também um educador sobre ritmos latinos. Seus métodos: Practical Applications Volumes 1, 2 e 3 foram votados entre os top 25 da lista de melhores métodos de bateria pela Modern Drummer Norte-Americana.
Practical Applications 1, 2 and 3
Practical Applications 1, 2 and 3


Aulas por Skype: chris.oyens@gmail.com
Voltar ao Topo
Daniel Ortiz Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar

Cadastrado em: 22/09/03
Localização: Satolep - Rs
Status: Desconectado
Pontos: 1981
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar Daniel Ortiz Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 21/05/14 as 22:37
Uma grande perda para o mundo da bateria.
Uma amiga que estava nos EUA teve aulas com ele ano passado e comentou que ele era o máximo!


Humildade é a palavra que nos faz ir mais longe!
Voltar ao Topo
JULIO COOPER Ver Drop Down
Iniciantes
Iniciantes
Avatar

Cadastrado em: 23/02/13
Localização: MARICÁ RJ
Status: Desconectado
Pontos: 19
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar JULIO COOPER Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 26/05/14 as 05:25
Super perda, tem muito material dele no You Tube, um grande Mestre, com certeza...
MÚSICA É ARTE, NÃO É COMPETIÇÃO!!!
Voltar ao Topo
hugo_stos Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar

Cadastrado em: 20/07/05
Localização: Santos
Status: Desconectado
Pontos: 2893
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar hugo_stos Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 26/05/14 as 05:44
Conheci o trabalho dele aqui no fórum, quando um amigo postou sobre o falecimento dele. Vejo muitos vídeos dele desde então. Grande perda...
Voltar ao Topo
Bertoli Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar

Cadastrado em: 10/10/03
Status: Desconectado
Pontos: 911
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar Bertoli Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 27/05/14 as 01:21
Chris, pelo relato do Lucio, ficou a dúvida... Você toca mais na pegada Matched ou Traditional (conforme constatado pelo Weckl) ?!

Voltar ao Topo
chrisoyens Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar

Cadastrado em: 17/03/10
Localização: Rio de Janeiro
Status: Desconectado
Pontos: 506
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar chrisoyens Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 30/05/14 as 02:57
Originalmente postado por Bertoli Bertoli escreveu:

Chris, pelo relato do Lucio, ficou a dúvida... Você toca mais na pegada Matched ou Traditional (conforme constatado pelo Weckl) ?!


Eu toco exclusivamente com matched, mas ensino qualquer uma das 3 principais pegadas. Na realidade o que o Lúcio relatou sobre sua mão esquerda eu estava tentando alterar, mas mesmo assim é interessante o Weckl ter perguntado pro Lúcio se eu tocava na pegada matched. O meu foco com a mão esquerda é um pouco diferente de como o Freddy Gruber interpretava essa mão. Para ver um bom exemplo de como o Spivack encarava a mão esquerda assista os vídeos do Vinnie Colaiuta e Louie Bellson tocando.

Aulas por Skype: chris.oyens@gmail.com
Voltar ao Topo
Ezekiel Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar

Cadastrado em: 13/07/11
Localização: Volta Redonda
Status: Desconectado
Pontos: 2302
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar Ezekiel Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 30/05/14 as 06:39
Originalmente postado por chrisoyens chrisoyens escreveu:

Originalmente postado por Bertoli Bertoli escreveu:

Chris, pelo relato do Lucio, ficou a dúvida... Você toca mais na pegada Matched ou Traditional (conforme constatado pelo Weckl) ?!


Eu toco exclusivamente com matched, mas ensino qualquer uma das 3 principais pegadas. Na realidade o que o Lúcio relatou sobre sua mão esquerda eu estava tentando alterar, mas mesmo assim é interessante o Weckl ter perguntado pro Lúcio se eu tocava na pegada matched. O meu foco com a mão esquerda é um pouco diferente de como o Freddy Gruber interpretava essa mão. Para ver um bom exemplo de como o Spivack encarava a mão esquerda assista os vídeos do Vinnie Colaiuta e Louie Bellson tocando.

Ao q me parece o traditional q o Spivack encarava é o traditional "frontal" correto? + ou - no estilo do traditional do Douglas Las Casas?
Instagram: @ezequielalves12 segue lá ;)

https://www.youtube.com/user/Ezekielbatera
Voltar ao Topo
chrisoyens Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar

Cadastrado em: 17/03/10
Localização: Rio de Janeiro
Status: Desconectado
Pontos: 506
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar chrisoyens Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 04/06/14 as 01:33
Originalmente postado por Ezekiel Ezekiel escreveu:

 Ao q me parece o traditional q o Spivack encarava é o traditional "frontal" correto? + ou - no estilo do traditional do Douglas Las Casas?

Não entendi a pergunta. O que seria traditional "frontal"??
Aulas por Skype: chris.oyens@gmail.com
Voltar ao Topo
Bertoli Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar

Cadastrado em: 10/10/03
Status: Desconectado
Pontos: 911
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar Bertoli Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 04/06/14 as 01:54
Chris, te mandei um email faz um tempinho, dps dá uma olhada...

Baldini
Voltar ao Topo
Ezekiel Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar

Cadastrado em: 13/07/11
Localização: Volta Redonda
Status: Desconectado
Pontos: 2302
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar Ezekiel Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 04/06/14 as 02:07
Originalmente postado por chrisoyens chrisoyens escreveu:

Originalmente postado por Ezekiel Ezekiel escreveu:

 Ao q me parece o traditional q o Spivack encarava é o traditional "frontal" correto? + ou - no estilo do traditional do Douglas Las Casas?

Não entendi a pergunta. O que seria traditional "frontal"??

Acredito q não vou conseguir te explicar direito, mas eu vi isso nessa entrevista do Bruno Valverde. Começa pelos 8:50.

Instagram: @ezequielalves12 segue lá ;)

https://www.youtube.com/user/Ezekielbatera
Voltar ao Topo
chrisoyens Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar

Cadastrado em: 17/03/10
Localização: Rio de Janeiro
Status: Desconectado
Pontos: 506
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar chrisoyens Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 08/06/14 as 00:49
Na minha opinião o Bruno está pisando em campo minado. A primeira proposta dele é a correta. Os dedos da mão esquerda abrem quando ele eleva a baqueta. Se vc observar é o que acontece exatamente com a mão direita. Ao elevar a baqueta os dedos abrem sutilmente e a baqueta se distancia um pouco da palma da mão. O mesmo TEM que ocorrer com a mão esquerda. O que o Bruno está querendo trabalhar tecnicamente é uma furada e ele vai sofrer consequências se for tocar assim durante muito tempo. Ele cita como exemplo desta técnica o Virgil Donati. Ora, o Virgil está tendo aulas com o Vinnie Colaiuta que foi aluno do Murray, portanto esta mão esquerda dele não deve estar funcionando bem.  Vinnie com certeza deve estar corrigindo isto, pois o Donati é muito travado; sua técnica não flui como a do Vinnie ou Dave Weckl e ele deve ter sacado isto.
Aulas por Skype: chris.oyens@gmail.com
Voltar ao Topo
jazzbrazuca Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar

Cadastrado em: 06/09/04
Localização: Brazil
Status: Desconectado
Pontos: 1437
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar jazzbrazuca Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 08/06/14 as 01:20
Cris vou te enviar um e-mail ... Ja não ta dando mais pra conviver com as dores... 
Gostei do relato do Lucio ... 
Abs !!!
Aulas Particulares para Iniciantes e Intermediarios Araraquara e Região - drmaca@live.com
Voltar ao Topo
Ezekiel Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar

Cadastrado em: 13/07/11
Localização: Volta Redonda
Status: Desconectado
Pontos: 2302
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar Ezekiel Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 08/06/14 as 04:03
Originalmente postado por chrisoyens chrisoyens escreveu:

Na minha opinião o Bruno está pisando em campo minado. A primeira proposta dele é a correta. Os dedos da mão esquerda abrem quando ele eleva a baqueta. Se vc observar é o que acontece exatamente com a mão direita. Ao elevar a baqueta os dedos abrem sutilmente e a baqueta se distancia um pouco da palma da mão. O mesmo TEM que ocorrer com a mão esquerda. O que o Bruno está querendo trabalhar tecnicamente é uma furada e ele vai sofrer consequências se for tocar assim durante muito tempo. Ele cita como exemplo desta técnica o Virgil Donati. Ora, o Virgil está tendo aulas com o Vinnie Colaiuta que foi aluno do Murray, portanto esta mão esquerda dele não deve estar funcionando bem.  Vinnie com certeza deve estar corrigindo isto, pois o Donati é muito travado; sua técnica não flui como a do Vinnie ou Dave Weckl e ele deve ter sacado isto.

Tbm fiquei meio ressabiado com o q ele disse sobre o traditional dele. É como vc falou, se ocorre na mão direita a msm coisa tem q ocorrer na esquerda, é visível a diferença do traditional travado q ele adotou pro traditional do Colaiuta, Tony Williams, etc.
Interessante saber q o Donati está tendo aulas com o Colaiuta, mas veja só q engraçado: se eu não estiver errado (corrija-me por favor) o Donati teve aulas com Spivack há um bom tempo atrás e agr está estudando o msm método com um batera q foi aluno do Spivack, certamente seria uma piada de português se fosse aqui no Brasil.
Instagram: @ezequielalves12 segue lá ;)

https://www.youtube.com/user/Ezekielbatera
Voltar ao Topo
chrisoyens Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar

Cadastrado em: 17/03/10
Localização: Rio de Janeiro
Status: Desconectado
Pontos: 506
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar chrisoyens Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 09/06/14 as 07:06
O Virgil Donati, não topou fazer as mudanças que o Murray Spivack lhe sugeriu. Ele na época falou para a revista Modern Drummer que achava o sistema Spivack velho, ultrapassado. Agora ele está pegando as dicas deste sistema com o Colaiuta. Ou seja, se fu%&*! Ouch
Aulas por Skype: chris.oyens@gmail.com
Voltar ao Topo
hugo_stos Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar

Cadastrado em: 20/07/05
Localização: Santos
Status: Desconectado
Pontos: 2893
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar hugo_stos Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 13/06/14 as 23:59
Chris, estamos discutindo na sessão off-topic sobre a postura do Colaiuta e do Weckl ao tocar. Qual é a sua opinião sobre o que está escrito abaixo? Se eles são realmente "tortos", isso é uma coisa normal e não há com o que se preocupar? Ou é um problema e causa prejuízos?

Originalmente postado por hugo_stos hugo_stos escreveu:

Originalmente postado por tiagolazzarin tiagolazzarin escreveu:

...
Além disso, e é necessário frisar isso, o Vinnie Colaiuta não toca torto nem a pau. O Weckl tocava torto, e hoje não mais, mas o Colaiuta... ele nunca fez isso. 

Quando disse que ele toca torto me referi ao alinhamento dos ombros em sua abordagem no chimbal. Veja esse vídeo a partir de 1:50'. Não sei se é errado ou não, se é natural ou se causa prejuízos, enfim...





Originalmente postado por Ezekiel Ezekiel escreveu:

Originalmente postado por hugo_stos hugo_stos escreveu:

Originalmente postado por Ezekiel Ezekiel escreveu:

Ao meu ver o Colaiuta não está torto em momento algum, o q ocorre é q ele se empolga algumas vezes e aí o ombro esquerdo pende um pouco para baixo, mas nada além disso. Torto msm quem toca é o Keith Carlock (aliás dá até um nervoso vê-lo tocar, além de torto é travado).
No mais é como eu costumo dizer, o q é natural pra mim pode não ser natural pra vc, pro Colaiuta essa abordagem dá mt certo, mas nem de longe q essa msm abordagem dá certo pro Weckl, Chambers, Gadd. O q melhorou (e muito diga-se de passagem) no Colaiuta foi a montagem do seu set. Vi um vídeo uma vez de quando ele ainda tocava numa banda de um talk show, o ride parecia uma parabólica de tão alto e os ataques acompanhavam a msm altura, hj ele está no "padrão", isso sim melhorou demais deixando ele mais "solto" e confortável ao tocar (pelo menos é o q eu vejo quando comparo essas duas épocas).

Pra mim, quando ele conduz no chimbal, não apenas o ombro esquerdo desce um pouquinho mas também ele levanta o ombro direito, sem contar que o tronco dá uma leve inclinada pra esquerda. Tem um vídeo dele com o Hancock em Buenos Aires, que o Dámaso Cerruti postou no tópico do Spivack pra tentar denegrir o Chris Oyens, e fica mais nítido essa postura do Colaiuta...mas o vídeo sumiu!

Sim, se não me engano o youtube removeu o vídeo por direitos autorais Confused. Mas o q acontece é quase isso q vc disse, ele levanta um pouco (mas bem pouco msm) o ombro direito em determinadas partes da música, mas pra mim isso é um tipo de cacoete, assim como outros bateras tbm tem (o Chad Smith tira o pé do hi-hat várias vezes quando faz algumas viradas), o Chambers quase sempre tá incorporando um boi (num larga o chiclete nem a porrete LOL LOL) enfim, talvez eu esteja errado mas ao meu ver o Colaiuta não se entorta não, pelo menos atualmente. Tortão msm ele estava (não só ele como a maioria dos bateras da época) nos anos 70 quando tocava com Zappa e até o começo dos anos 90. Dali pra cá sua postura e a montagem do set mudou demais.


Originalmente postado por tiagolazzarin tiagolazzarin escreveu:

Nessa época o Vinnie era loucão, não tava nem aí para a postura, só pra tocar coisas complexas e fazer a festa em outros lances aí... e mesmo assim ele tocava muito com matched. Essa época não serve muito como parâmetro porque foi antes do boom das técnicas e das vídeo aulas, que saíram um pouco da esfera musical em si mesma. 

PS. pensei que era um vídeo não com o Hancock, mas com o Zappa, com o Hancock ele já não toca torto, é apenas o ângulo do braço que pode dar a impressão que ele pende para a esquerda, mas ele fica bem no eixo de gravidade para todas as suas movimentações. 


Originalmente postado por Rubankatze Rubankatze escreveu:

Tanto o Colaiuta quanto o Dave Weckl tocam "torto".

Fecho com o Hugo!!!No vídeo da apresentação do Colaiuta na Argentina isso ficou bem claro!!!O mesmo pode ser verificado quando se trata do Weckl, basta assistir o show do Chick Corea no North Sea Jazz. Simples assim!!!

http://www.youtube.com/watch?v=SL34LYIWQ6M

Pausem o vídeo a exatos 10:55 e verifiquem!!!



Editado por hugo_stos - 14/06/14 as 00:28
Voltar ao Topo
LucasYeahNegoMariano Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar
"Nega Maria"

Cadastrado em: 05/03/10
Localização: Uberlândia
Status: Desconectado
Pontos: 2594
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar LucasYeahNegoMariano Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 14/06/14 as 00:20
Originalmente postado por hugo_stos hugo_stos escreveu:

Chris, estamos discutindo na sessão off-topic sobre a postura do Colaiuta e do Weckel ao tocar. Qual é a sua opinião sobre o que está escrito abaixo? Se eles são realmente "tortos", isso é uma coisa normal e não há com o que se preocupar? Ou é um problema e causa prejuízos?
...

Hugo, peço licença pra endossar sua pergunta até pq é uma dúvida minha q eu postei lá e ninguém respondeu.

E ai Chris, blz?
Então, essa pergunta do hugo é oriunda da discussão sobre o Bruno Valverde q está assumindo as baquetas do Angra ... uma parte do pessoal acredita q ele deverá aderir ao matched pra conseguir tocar as músicas "como elas deveriam ser tocadas"*, já q trata-se de Heavy Metal, Metal Melódico; inclusive há um uso quase q constante de bumbo duplo em alta velocidade.

Depois q postaram um vídeo do Bruno tocando uma música do Angra ficou evidente como ele toca torto e então a discussão saiu desse frenesi sobre a troca da pegada pra questão dele tocar músicas de Metal com o corpo torto.

Aqui q entra minha pergunta ... pelo visto a técnica de Spivack não foca no trabalho de pés, e consequentemente bumbo duplo, mesmo assim é uma técnica q trabalha um pouco da postura e por isso vc pode ter alguma noção pra responder ... onde é o ponto de equilíbrio pra um baterista q toca bateria em altas velocidades com bumbo/pedal duplo?

Pra mim a resposta óbvia seria (e digo "seria" pq não tenho certeza) o banco, ou seja, a bunda e toda a coluna e por isso tocar torto seria altamente prejudicial já que tocar bumbo duplo em alta velocidade exige demais do preparo físico além de técnica.

E ai, o q vc diz (fora a pergunta do hugo q é mais focada na postura de Collaiuta e Weckl; e me perdoem a intromissão)?

*Explicando essa parte: Por se tratar de músicas de Heavy Metal, temos a sensação da necessidade de maior intensidade do baterista já que as músicas são mais velozes e volumosas, no quesito volume do som mesmo. A banda toca em volume alto, e não com tanto feeling como é em outros estilos ... é pancadaria o tempo todo. Por isso achamos q o traditional pode acabar limitando o batera pra conseguir soar como um baterista de Heavy Metal. Lógico q podemos estar enganados; enfim.
Voltar ao Topo
tiagolazzarin Ver Drop Down
Avançados
Avançados
Avatar

Cadastrado em: 14/04/10
Localização: são paulo
Status: Desconectado
Pontos: 495
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar tiagolazzarin Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 14/06/14 as 02:31
Desculpa interferir neste tópico, mas só para dizer que o COLAIUTA NÃO TOCA COM A POSTURA TORTA. a única coisa torta que ele faz são as métricas das suas frases e as polirritmias que ele costuma executar. 
Tocar com a postura torta significa, na maioria dos casos da pegada tradicional, entortar o corpo para o lado da mão cuja pinça está entre o indicador e o polegar. Em primeiro lugar é preciso definir o que é torto. Torto significa tocar em desequilíbrio, forçando mais alguns grupos de músculos do que outros. Isso o Colaiuta não faz, o que ele faz é se entortar. No mais das vezes o Colaiuta se entorta sem que o equilíbrio entre as mãos seja afetado, mesmo que as mãos sejam assimétricas. 

Isso não é o mesmo que acontecia, por exemplo, com o Dave Weckl, que se espremia para a esquerda para as mão se nivelarem, e isso o sobrecarregava. Tanto é que ele quis modificar sua postura estudando algumas técnicas. 

Num passado remoto, o Colaiuta foi torto, mas desde o momento em que ele decidiu se preocupar com a técnica de mãos e de todo o resto, e talvez isso tenha acontecido quando ele começou a estudar com o Sr. que dá nome ao tópico, ele não mais se posicionou de maneira torta. Mas entortar, tanto para ele, quanto para qualquer outra pessoa, é algo perfeitamente normal desde que se tenha um ponto de equilíbrio para o qual se volta sempre, e esse é o caso de que estamos falando. 

Prova disso é que apesar das mãos serem assimétricas, os ombros não são assimétricos, ou pelo menos isso não é algo exagerado, pois se isso acontecesse, ele jamais poderia ter a precisão que tem. Somente as mãos são assimétricas e ele mantém uma distribuição equilibrada do peso do corpo do lado esquerdo e direito. 


Editado por tiagolazzarin - 14/06/14 as 02:41
Voltar ao Topo
chrisoyens Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar

Cadastrado em: 17/03/10
Localização: Rio de Janeiro
Status: Desconectado
Pontos: 506
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar chrisoyens Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 14/06/14 as 10:55
Não tenho nem uma vírgula pra acrescentar às questões colocadas pelo tiagolazzarin. Suas interpretações são perfeitas e estou de acordo em cada item meticulosamente explicado por ele. A melhor maneira que tenho de acrescentar algo ao que ele colocou é sair por um instante do âmbito da técnica de bateria e falar um pouco sobre a minha vivência com artes marciais. Para cada movimento yin temos que ter a resposta yang, se não provocamos desequilibro e o movimento de defesa perde sua eficiência. Acho que o que desencadeou este tópico sobre a questão da postura do Vinnie foi apenas uma observação restritiva. Seria como mostrar um vídeo do Rafael Nadal e apontar que quando ele puxa a raquete pra trás e prepara o seu impacto com a  bola que ali ele está tenso. Acontece que 1 segundo depois, quando ele faz contato com a bola ele está plenamente relaxado. Tocar bateria funciona um pouco diferente os impactos ocorrem com menos intensidade e com muito mais frequência, mas não podemos analisar metade de um processo e achar que entendemos o todo. Qualquer mudança de postura do Vinnie é corrigida imediatamente. Trata-se de uma postura bem resolvida quanto à questão de tensão/resolução. Ele entende de forma intrínseca o conceito de ação e reação, portanto ele "brinca" com isso de diversas formas e com inúmeras posturas. Focar em apenas uma delas é uma perspectiva limitadora e nos leva a tirar conclusões completamente equivocadas.    
Aulas por Skype: chris.oyens@gmail.com
Voltar ao Topo
tiagolazzarin Ver Drop Down
Avançados
Avançados
Avatar

Cadastrado em: 14/04/10
Localização: são paulo
Status: Desconectado
Pontos: 495
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar tiagolazzarin Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 14/06/14 as 19:14
Parabéns ao Chis Oyens porque realmente a filosofia oriental é muito pertinente para esta discussão, no que diz respeito à totalidade e à imagem do Yin yang. Aliás, um livro muito bom sobre filosofia-música que aborda isso foi escrito por José Miguel Wisnik e se chama o Som e o Sentido. Excelente contribuição! Estudar os ensinamentos de Spivack parece ter sido muito valioso.  

Editado por tiagolazzarin - 14/06/14 as 19:18
Voltar ao Topo
hugo_stos Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar

Cadastrado em: 20/07/05
Localização: Santos
Status: Desconectado
Pontos: 2893
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar hugo_stos Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 14/06/14 as 20:43
Muuito obrigado Tiago! A verdade é que, pra mim, essa questão se tornou mais complexa do que o esperado. 

Muito obrigado Chris e te convido (na verdade é um pedido!) a dar uma olhada no off-topic, já que ainda tem gente com uma pulga atrás da orelha. São as últimas postagens, na página 3: http://forum.batera.com.br/forum_posts.asp?TID=71875&PN=3&title=entrevista-bruno-valverde-traditional-grip


A intenção é discutir sobre postura e não criticar o Colaiuta, Weckl ou seja quem for. Vídeos do Colaiuta e Weckl foram usados como exemplo, porque eles são referência como bateristas.



Editado por hugo_stos - 14/06/14 as 20:45
Voltar ao Topo
Daniel Ortiz Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar

Cadastrado em: 22/09/03
Localização: Satolep - Rs
Status: Desconectado
Pontos: 1981
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar Daniel Ortiz Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 16/06/14 as 05:40
Sempre que olho o Colaiuta tocando me vem à cabeça que ele parece um Croupier distribuindo cartas em uma mesa de poker. hahahahah
Humildade é a palavra que nos faz ir mais longe!
Voltar ao Topo
chrisoyens Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar

Cadastrado em: 17/03/10
Localização: Rio de Janeiro
Status: Desconectado
Pontos: 506
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar chrisoyens Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 16/06/14 as 06:14
Daniel Ortiz que analogia sensacional!! Clap


Aulas por Skype: chris.oyens@gmail.com
Voltar ao Topo
chrisoyens Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar

Cadastrado em: 17/03/10
Localização: Rio de Janeiro
Status: Desconectado
Pontos: 506
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar chrisoyens Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 20/06/14 as 18:31
Originalmente postado por Ezekiel Ezekiel escreveu:

Interessante saber q o Donati está tendo aulas com o Colaiuta, mas veja só q engraçado: se eu não estiver errado (corrija-me por favor) o Donati teve aulas com Spivack há um bom tempo atrás e agr está estudando o msm método com um batera q foi aluno do Spivack, certamente seria uma piada de português se fosse aqui no Brasil.

Eu li uma entrevista do Donati na extinta revista Drums & Drumming. Nela ele relata que ainda morando na Austrália ele foi pra Los Angeles a trabalho e experimentou umas aulas com o Murray. Tipicamente, Murray deve ter lhe dado a sua opinião sem medir palavras e o Donati disse que se recusava a recomeçar a sua técnica com novos conceitos. Ele estava a procura de alguém que simplesmente pudesse lhe corrigir a forma como ele já tocava. 

O David Garibaldi me relatou uma história bem parecida. Ele me disse que quando procurou o Murray com dores no pulso direito que ele já tinha ganho o poll da Modern Drummer 3 anos seguidos como melhor baterista de funk! E que ao ouvir do Murray que ele teria que recomeçar do zero com os toques mais básicos para eles reverem sua postura técnica que ele disse pro Murray que achava que não estava preparado para tamanho sacrifício, que o ideal seria o Murray corrigi-lo da maneira em que ele já tocava. Murray sem pestanejar lhe responderu, "Não fui eu que lhe procurei, foi vc que me procurou e eu não trabalho com o que vejo claramente que esta errado". rsrsrs O Garibaldi foi muito grato ao Murray por essa postura.

Era assim que o mestre funcionava e novamente vou colocar aqui que NINGUÉM jamais teve, tem e dificilmente terá o currículo deste professor. Em seu estúdio apareciam tanto os melhores bateristas de rock, pop, jazz, marching band ou sinfônico, como o Mitchel Peters da Orquestra Sinfônica de Los Angeles.

Concordo com a tua colocação Ezekiel,  apenas colocando que nossos irmãos portugueses não tem nada a ver com isso! Portanto, é piada de australiano mesmo! rs


Editado por chrisoyens - 20/06/14 as 18:32
Aulas por Skype: chris.oyens@gmail.com
Voltar ao Topo
chrisoyens Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar

Cadastrado em: 17/03/10
Localização: Rio de Janeiro
Status: Desconectado
Pontos: 506
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar chrisoyens Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 31/07/14 as 20:46
Recentemente fui num seminário de percussão orquestral e o palestrante falou com respeito e carinho do (recém aposentado) primeiro percussionista da Boston Symphony Orchestra, Frank Epstein. Fui pesquisar um pouco à respeito deste grande músico que hoje é diretor geral do departamento de percussão do prestigiado conservatório, New England Conservatory em Boston e pasmem, não é que ele cita Murray Spivack entre seus principais professores!!

Se formos analisar todos os outros professores com quem o senhor Epstein estudou, veremos que são todos especializados apenas em percussão sinfônica. Ali estão além do Murray, Robert Sonner, Earl Hatch, William Kraft e Everett "Vic" Firth. Então como é que Spivack que lecionou o Sr Epstein, pode também ter sido o professor do grande Louie Bellson, Vinnie Colaiuta e David Garibaldi?? São 3 bateristas COMPLETAMENTE diferentes e que não estudaram tímpano, xilofone ou marimba, mas sim técnica de bateria com o mestre. 

O segredo está na didática deste professor. Estilos são irrelevantes. A técnica correta no instrumento é uma apenas. Porque não se trata de um paradiddle, um flam ou um drag. Não se trata de dominar algum repertório. Não se trata de agilidade ou velocidade. Não se trata de estilos ou levadas, viradas, mas de se privilegiar sempre o som. O som sempre em primeiro lugar. A baqueta é uma ferramenta, a bateria é um meio e o som nos conecta com o divíno. 
Aulas por Skype: chris.oyens@gmail.com
Voltar ao Topo
Snoop Ver Drop Down
Iniciantes
Iniciantes
Avatar

Cadastrado em: 18/07/14
Localização: SC
Status: Desconectado
Pontos: 32
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar Snoop Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 31/07/14 as 21:16
Oi Chris.
Sei que você deve estar bastante ocupado. Te enviei um e-mail faz quase um mês (+-).
Há possibilidade de ter caído na caixa de SPAM?
 
Gostaria de saber da possibilidade de fazer aulas online.
Obrigado.
Aprendendo...
Voltar ao Topo
luanfg Ver Drop Down
Iniciantes
Iniciantes
Avatar

Cadastrado em: 08/12/10
Localização: Porto Alegre
Status: Desconectado
Pontos: 123
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar luanfg Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 04/08/14 as 00:52
Chris, minha dúvida é a mesma do Snoop. Poderia explicar um pouco mais como funcionariam estas aulas online? Pode ser tanto por aqui, no fórum, quanto no meu e-mail: luanfg@gmail.com.

Abraço,
Luan
No sign
Voltar ao Topo
chrisoyens Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar

Cadastrado em: 17/03/10
Localização: Rio de Janeiro
Status: Desconectado
Pontos: 506
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar chrisoyens Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 05/08/14 as 06:11
As aulas tem funcionado melhor via Skype. Vou enviar as informações no seu email luanfg
Aulas por Skype: chris.oyens@gmail.com
Voltar ao Topo
chrisoyens Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar

Cadastrado em: 17/03/10
Localização: Rio de Janeiro
Status: Desconectado
Pontos: 506
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar chrisoyens Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 30/08/14 as 17:09
Vi que criaram um novo tópico à respeito desta entrevista e não queria duplicar o tema, mas claro, como ela tem absolutamente TUDO a ver com este tópico aqui vou inserir o link da entrevista aqui também. 

Gostaria de agradecer o querido amigo Cássio Cunha pelo seu esforço de mantermos o legado deixado pelo meu professor Murray Spivack vivo. Valeu Cássio! 


Aulas por Skype: chris.oyens@gmail.com
Voltar ao Topo
 Responder Responder Página  <1 1011121314>
  Compartilhar Tópico   

Ir para o Fórum Permissões do Fórum Ver Drop Down



Esta página foi carregada em 0.125 segundos.