Batera.com.br
Fórum Inicial Fórum Inicial > Fóruns Públicos > Aulas e Estudos
  Novas Mensagens Novas Mensagens RSS Feed - Figuras rítmicas, e o básico sobre compassos!
  FAQ FAQ  Pesquisar no Fórum   Eventos   Registrar Registrar  Entrar Entrar

Figuras rítmicas, e o básico sobre compassos!

 Responder Responder Página  <123>
Autor
Mensagem
  Tópico Pesquisar Tópico Pesquisar  Opções do Tópico Opções do Tópico
Bocao Ver Drop Down
Iniciantes
Iniciantes
Avatar

Cadastrado em: 09/05/09
Status: Desconectado
Pontos: 31
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar Bocao Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 26/02/10 as 01:19
Acho que vc tem razão Denis. 1 semínima pontuada = 3 colcheias. Logo, 6 colcheias = 2 semínimas pontuadas. Valeu!
Abraço Grande. Afonso Bocão
Voltar ao Topo
Links Patrocinados


Voltar ao Topo
guiamericano Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar

Cadastrado em: 26/07/09
Localização: Brasília
Status: Desconectado
Pontos: 847
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar guiamericano Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 26/02/10 as 01:28
Originalmente postado por Bocao Bocao escreveu:

Valeu pela explicação! Só conseguimos entender mesmo com muita conversa. Uma das coisas que pega prá mim é definir os compassos de uma música apenas ouvindo (eu sei que estou no início). Dá a impressão que todas as músicas são 4/4. O que eu quis perguntar anteriormente sobre a importância em definir os compassos foi em relação à definição no ato de compor ( a particularidade de cada compasso em relação ao andamento da música - se tem relação com a quantidade de notas naquele trecho, daí vc muda a fórmula durante a música. Não sei se me fiz entender. Valeu!
ah que  bom que vc entendeu então cara!
qualquer dúvida, manda pra gente! e a impressão no começo é que tudo é 4/4 mesmo! fica tranquilo, ams com o tempo vc vai pegando malícia no negócio! só questão de tempo Thumbs Up

Originalmente postado por denismiranda denismiranda escreveu:

Originalmente postado por guiamericano guiamericano escreveu:

Originalmente postado por Bocao Bocao escreveu:

Uma coisa que eu ainda não entendi(dentre várias rsrsrs): Qual a importância em definirmos os compassos em simples e compostos e quando está indicado fazer a conversão entre eles como foi mostrado anteriormente?

Afonso Bocão
 os compassos compostos são aqueles em que cada unidade de tempo é subdividida em três notas, cuja duração é definida pelo denominador da fórmula de compasso. Por exemplo, no compasso 6/8, o denominador indica que uma semibreve foi dividida em 8 partes (em colcheias) e o numerador indica quantas figuras preenchem o compasso, ou seja, o compasso é formado por 6 colcheias (4 semínimas pontuadas). Por isso cada unidade de tempo não é uma colcheia, mas sim um grupo de três colcheias (ou uma semínima pontuada). 

É isso aí mesmo!
Só acredito que o  gui se equivocou  ali onde eu destaquei em vermelho: Ali deveria estar escrito"DUAS semínimas pontuadas", porque:
1 semínima pontuada = 1 semínima + ½ semínima (ou 1 colcheia), logo 3 colcheias, sacou?
Abraço!

CARAAACA! valeu denis Wink
já editei lá!

Abs.
Voltar ao Topo
denismiranda Ver Drop Down
Experts
Experts
Avatar

Cadastrado em: 18/01/09
Localização: São Paulo
Status: Desconectado
Pontos: 6477
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar denismiranda Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 26/02/10 as 01:36
Então Bocao, o mais fácil é manter a música sempre na mesma fórmula de compasso, e ir alterando só as figuras mesmo. MAAAAS isso só dá pra fazer com a percurssão, onde, por exemplo, uma colcheia tem o mesmo som de uma semicolcheia e uma pausa de semicolcheia, entendeu? Já na guitarra, por exemplo, o som é diferente, e dá uma alteração bem significativa.

Fica por aqui e vamos trocando idéias!
Abraço!
DENIS MIRANDA
CANSADO
Voltar ao Topo
Denis Negrini Ver Drop Down
Seniors
Seniors


Cadastrado em: 13/11/08
Localização: campo bom / rs
Status: Desconectado
Pontos: 1815
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar Denis Negrini Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 26/02/10 as 14:32
legal o tópico, importante agora depois dessas informações é aprender a solfejar as figuras afim de interpretar sua duração nos compassos .... tendo em vista num compasso 2/4 por exemplo, voce pode solfejar seminima / colcheia / semicolcheia, ou seja voce pode escrever ela de varias formas (desmembra a figura), logo dá-se inicio a leitura musical ....
 
parabens pelas informações !
Voltar ao Topo
dupará Ver Drop Down
Iniciantes
Iniciantes
Avatar

Cadastrado em: 24/02/10
Localização: Belém-PA
Status: Desconectado
Pontos: 20
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar dupará Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 27/02/10 as 00:20
Cara gostei muito do tópico, tá me ajudando pá caramba ñ sacava muito bem isso vlw mesmo...só tá faltando um prof pra fikr safoo.
Eðs♂и Ma®tïиs¹
Voltar ao Topo
Bocao Ver Drop Down
Iniciantes
Iniciantes
Avatar

Cadastrado em: 09/05/09
Status: Desconectado
Pontos: 31
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar Bocao Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 27/02/10 as 17:18
Fala galera! Gostaria de compartilhar com vcs alguma coisa que li e gostei. Muitas delas já discutidas aqui, porém achei legal repetí-las.
 

NOTAÇÃO MUSICAL

 

Notação musical é o nome genérico de qualquer sistema de escrita utilizado para representar graficamente uma peça musical, permitindo a um intérprete que a execute da maneira desejada pelo compositor ou arranjador. O sistema de notação mais utilizado atualmente é o sistema gráfico ocidental que utiliza símbolos grafados sobre uma pauta de 5 linhas, também chamada de pentagrama. Diversos outros sistemas de notação existem e muitos deles também são usados na música moderna.

O elemento básico de qualquer sistema de notação musical é a nota, que representa um único som e suas características básicas: duração e altura. Os sistemas de notação também permitem representar diversas outras características, tais como variações de intensidade, expressão ou técnicas de execução instrumental.

Linhas

Pauta ou Pentagrama
São cinco linhas e quatro espaços. A pauta musical serve para escrever as partituras(feitas com notas, pausas, claves, etc.)

Linhas e espaços suplementares
São linhas que existem acima ou abaixo da pauta porque nem sempre as 5 linhas e 4 espaços são suficientes para receberem todas as notas da música e representam sons agudos (quando acima da pauta) e sons graves (quando abaixo da pauta).

Linhas de compasso
Usada para separar dois compassos.

Linha de compasso dupla
Usada para separar duas seções da música.

Linha de compasso tracejada
Subdivide compassos.

Barra final
Marca o fim de uma composição.

Figuras e pausas

Valores de duração de notas e Pausas não são definidas absolutamente, mas são proporcionais à duração das demais notas e pausas. Para efeito de definição a duração de uma semibreve será tomada como uma "duração de referência" (R).

As figuras musicais nos permitem especificar a duração do som. Na tabela abaixo podemos ver as figuras musicais, seus nomes e seus valores relativos:

Nota

Nome

Valor

Breve

O dobro da Semibreve

Semibreve

A metade da Breve
ou o dobro da Mínima

Mínima

A metade da Semibreve
ou o dobro da Semínima

Semínima

A metade da Mínima
ou o dobro da Colcheia

Colcheia

A metade da Semínima
ou o dobro da Semicolcheia

Semicolcheia

A metade da Colcheia
ou o dobro da Fusa

Fusa

A metade da Semicolcheia
ou o dobro da Semifusa

Semifusa

A metade da Fusa

Conforme podemos observar, cada figura dura o dobro do tempo da figura seguinte e metade do tempo da anterior. Por exemplo, neste pequeno fragmento musical podemos ouvir dois padrões rítmicos diferentes. O som mais agudo (um som de piano) é formado por 4 Semínimas e o som mais grave (um som de percussão) por 2 Mínimas. Como a duração de cada semínima é a metade de uma mínima, ouvimos duas semínimas para cada mínima.

Mas antes de podermos ler corretamente, temos que conhecer o conceito de compasso.

Nota: Quando escrevemos colcheias, semicolcheias, fusas e semifusas, costuma-se agrupar o colchete de todas as figuras que fazem parte de um tempo, para facilitar a leitura. Exemplos:

 

=

 

 

=

 


Partes da Figura Musical

Compassos

Freqüentemente podemos identificar padrões rítmicos nas músicas que ouvimos. Geralmente somos capazes de agrupar estes ritmos em grupos de 2, 3 ou 4 tempos ou pulsações.

Por exemplo, quando ouvimos uma valsa, sentimos um padrão rítmico de 3 tempos. Durante todo o decorrer da música podemos sentir que os padrões rítmicos estão baseados neste 1,2,3.

Existem compassos de 2, 3 e 4 tempos. Embora não seja muito comum, também podemos encontrar compassos de 5 e de 7 tempos. Para indicar o compasso, usamos duas coisas: a Fórmula de Compasso e as Barras de Compasso.

Fórmula de Compasso

A fórmula de compasso é indicada no início da música por dois números.

Representação das durações

Tempo e compasso - regulam quantas unidades de tempo devem existir em cada compasso. Os compassos são delimitados na partitura por linhas verticais e determinam a estrutura rítmica da música. O compasso escolhido está diretamente associado ao estilo da música. Uma valsa por exemplo tem o compasso 3/4 e um rock tipicamente usa o compasso 4/4.

Em uma fórmula de compasso, o denominador indica em quantas partes uma semibreve deve ser dividida para obtermos uma unidade de tempo (na notação atual a semibreve é a maior duração possível e por isso todas as durações são tomadas em referência a ela). O numerador define quantas unidades de tempo o compasso contém. No exemplo abaixo estamos perante um tempo de "quatro por quatro", ou seja, a unidade de tempo tem duração de 1/4 da semibreve e o compasso tem 4 unidades de tempo. Neste caso, uma semibreve iria ocupar todo o compa

O número superior mostra a quantidade de tempos no compasso, sendo três no caso acima.

O número inferior indica a figura musical que valerá um (unidade de tempo). Na tabela abaixo você poderá ver a relação entre números e figuras musicais.

Número

Figura

1

2

4

8

16

32

Portanto, a fórmula de compasso indica que o compasso tem 3 tempos e que cada tempo é ocupado pela Semínima. Note que o número quatro indica a Semínima, porque ela vale 1/4 da Semibreve, que é utilizada como base.

Freqüentemente usamos os símbolos e para indicar os compassos 4/4 ( ) e 2/2 ( ).


Fonte: Music Theory Web, © de José Rodríguez Alvira
Traduzido e publicado com autorização do autor

Barras de Compasso

Para facilitar a leitura, separamos os compassos com linhas verticais que recebem o nome de Barras de Compasso.

Neste exemplo, temos compassos de dois tempos, em que cada tempo é ocupado por uma Semínima.

Ponto de Aumento

Adicionando um ponto ao lado de uma figura musical, aumentamos seu valor em metade do seu valor atual:

SEM ponto

COM ponto

Figura

Equivalente à

Figura

Equivalente à

 

Unidade de Tempo e de Compasso

Damos o nome de Unidade de Tempo à figura musical que ocupa um tempo inteiro e de Unidade de Compasso à figura musical que ocupa um compasso inteiro. No exemplo abaixo podem ser vistos alguns exemplo de compassos mais comuns.

Fórmula de
Compasso

Tempo

Compasso

2
4

3
4

4
4

2
2

3
2

4
2

2
8

3
8

 

Pausas

Cada figura musical tem símbolo correspondente que se usa para representar um silêncio da mesma duração. Esses símbolos são chamados Pausas.

Nome

Figura

Pausa

Semibreve

Mínima

Semínima

Colcheia

Semicolcheia

Fusa

Semifusa

 

Compassos Simples e Compostos

Os compassos que vimos até agora são chamados de Compassos Simples. Nos compassos simples, cada unidade de tempo é subdividida em duas metades (por exemplo, uma semínima é dividida em duas colcheias).

Porém, nos Compassos Compostos, a unidade de tempo é dividida em três.

Alguns pontos importantes que devemos considerar com relação a estes compassos são:

  1. Reconhecemos os compassos compostos porque o número superior da fórmula de compasso é 6, 9 ou 12.
  2. Obtemos quantidade de tempos por compasso dividindo número superior da fórmula de compasso por 3. Por exemplo, em um compasso 6/8 o compasso tem 2 tempos (6 dividido por 3).
  3. Precisamos acrescentar um ponto de aumento às figuras que ocupam a unidade de tempo.
  4. O número inferior da fórmula de compasso indica a figura que ocupa um terço do tempo. Por exemplo, em um compasso 6/8 a colcheia ocupa um terço do tempo, uma vez que a unidade de tempo é ocupada por três colcheias ou uma semínima pontuada.

A tabela abaixo resume estes pontos:

Compasso

Pulsação

Unidade de Tempo

Unidade de Compasso

6
8

Binária

9
8

Ternária

12
8

Quaternária

6
4

Binária

9
4

Ternária

12
4

Quaternária

 
Espero ter contribuído. Valeu!
Abraço Grande. Afonso Bocão
Voltar ao Topo
Bocao Ver Drop Down
Iniciantes
Iniciantes
Avatar

Cadastrado em: 09/05/09
Status: Desconectado
Pontos: 31
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar Bocao Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 27/02/10 as 17:27
Pô galera não sei o que aconteceu mas as figuras não saíram. Eu tenho esse arquivo salvo no word com tudo certinho. Quem souber como resolver , me dê um toque. Já tentei copiar e colar mas não consegui. Caso contrário mando por e-mail para quem se interessar. Valeu!

Editado por Bocao - 27/02/10 as 23:24
Abraço Grande. Afonso Bocão
Voltar ao Topo
Paulinho Sorriso Ver Drop Down
Avançados
Avançados
Avatar
Representante Orion Cymbals

Cadastrado em: 19/02/08
Localização: Brasil
Status: Desconectado
Pontos: 428
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar Paulinho Sorriso Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 20/05/10 as 20:02
....


Voltar ao Topo
Barsa Ver Drop Down
Experts
Experts
Avatar

Cadastrado em: 03/12/08
Localização: São paulo
Status: Desconectado
Pontos: 5462
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar Barsa Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 12/07/10 as 20:18
deveriam fixar esse tópico!
estudei tudo isso quando fazia teclado, mas nunca fez mtu sentido pra mim...
agora eu entendi tudo certinhu!
vlw ae pessoal!
Suingue, Sabedoria e Sinceridade!!!
Voltar ao Topo
Paulinho Sorriso Ver Drop Down
Avançados
Avançados
Avatar
Representante Orion Cymbals

Cadastrado em: 19/02/08
Localização: Brasil
Status: Desconectado
Pontos: 428
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar Paulinho Sorriso Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 12/07/10 as 21:54

Concordo Plenamente Barsa!!!

Às vzs a gente fica tão ligado em outros aspectos de nossas baterias que esqucemos da relação dela com os outro instrumentos...
 
Bocao tbm tá de parabéns!!!
 
A parte teórica é tão importante quanto a prática, treinar para se adquirir técnica e adquirir velocidade é muito bacana, mas , estudar a ponto de aplica-los de forma mais criativa e coerente é imensamente melhor!!!!
 
Forte abraço a todos!!!!!!!


Voltar ao Topo
guiamericano Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar

Cadastrado em: 26/07/09
Localização: Brasília
Status: Desconectado
Pontos: 847
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar guiamericano Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 13/07/10 as 09:18
pô! fico feliz em saber que esse tópico anda ajudando muito a galera, e tirando as dúvidas em geral!
e como o paulinho citou aqui em cima, é muito importante saber a parte teórica para poder aplicá-la a prática!
e não hesitem em perguntar!
abraço!
Voltar ao Topo
Bocao Ver Drop Down
Iniciantes
Iniciantes
Avatar

Cadastrado em: 09/05/09
Status: Desconectado
Pontos: 31
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar Bocao Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 16/07/10 as 01:13
Fala Galera! Que bom que o tópico está vivo! Gostaria de levantar uma dúvida (entre outras que irão aparecer): Por que no samba e na bossa nova os compassos são 2/4 e não 4/4? (quando contamos o 4/4 encaixa também). Valeu!
Abraço Grande. Afonso Bocão
Voltar ao Topo
Nando Rondelli Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar

Cadastrado em: 09/12/07
Localização: São Paulo ,SP
Status: Desconectado
Pontos: 2220
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar Nando Rondelli Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 16/07/10 as 02:58
Então, o 2/4 no samba é por causa dos tempos fortes. Imagine a marcação dos surdos, por exemplo. É um tempo forte e um tempo fraco
Dá pra escrever samba em 4/4 com certeza, mas pensando nos tempos fortes, se escreve em 2/4.
Pega por exemplo, uma levada de  funk rock  e acompanha com a mão, ou até com o corpo todo mesmo, qualquer coisa que faça você não só contar os tempos, mas sentir o groove mesmo. Repare como é natural acentuar o "1" a cada 4 tempos

Agora um samba, faça a mesma coisa, e repare como você vai acabar acentuando 1 a cada 2 tempos, ou seja 2/4.


Curtindo cada batida imperfeita

Blog: O Devaneio Nú
Voltar ao Topo
Nando Rondelli Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar

Cadastrado em: 09/12/07
Localização: São Paulo ,SP
Status: Desconectado
Pontos: 2220
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar Nando Rondelli Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 16/07/10 as 02:59
Originalmente postado por Nandrummer Nandrummer escreveu:

Então, o 2/4 no samba é por causa dos tempos fortes. Imagine a marcação dos surdos, por exemplo. É um tempo forte e um tempo fraco
Dá pra escrever samba em 4/4 com certeza, mas pensando nos tempos fortes, se escreve em 2/4.
Pega por exemplo, uma levada de  funk rock  e acompanha com a mão, ou até com o corpo todo mesmo, qualquer coisa que faça você não só contar os tempos, mas sentir o groove . Repare como é natural acentuar o "1" a cada 4 tempos

Agora um samba, faça a mesma coisa, e repare como você vai acabar acentuando 1 a cada 2 tempos, ou seja 2/4.


Curtindo cada batida imperfeita

Blog: O Devaneio Nú
Voltar ao Topo
guiamericano Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar

Cadastrado em: 26/07/09
Localização: Brasília
Status: Desconectado
Pontos: 847
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar guiamericano Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 16/07/10 as 05:11
exataaaamente isso que o nando falou Thumbs Up
isso funciona também nos compassos 6/8; 3/8; 8/4 e 4/4 também! o negócio é vc identificar o tempo forte, e sentir a música, e o beat! mas não é errado pra alguém falar que um compasso de samba é 4/4 Wink sacou? a questão é identificar o tempo mais forte mesmo!

abração!
Voltar ao Topo
Paulinho Sorriso Ver Drop Down
Avançados
Avançados
Avatar
Representante Orion Cymbals

Cadastrado em: 19/02/08
Localização: Brasil
Status: Desconectado
Pontos: 428
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar Paulinho Sorriso Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 16/07/10 as 19:28
Vale sempre lembrar que musica é linguagem, envolve mais do que a penas dizer se é essa ou aquela formula de compasso, pra entender melhor é muito importante tbm ter um pouco de conecimento sobre a história, evolução do ritmo, pois estes conceitos é que ajudam a definir a forma de interpretação e por consequencia a formula de compasso, e é por essa razão q a maioria dos ritmos brasileiros são escritos em 2/4 e tem com célula fundamental a semicolcheia...
Pode conferir!!!!
 
Abraço a todos!!


Voltar ao Topo
Bocao Ver Drop Down
Iniciantes
Iniciantes
Avatar

Cadastrado em: 09/05/09
Status: Desconectado
Pontos: 31
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar Bocao Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 18/07/10 as 00:39
Entendi a explicação legal. Na prática dá prá pegar. A minha dúvida é na hora de escrever. Quando estou fazendo exercício com o bumbo, meu professor sempre me orienta a tentar manter o mesmo som, sem acentuar. Em relação ao tempo forte (na partitura exatamente) do samba, para quem não conhece o ritmo direito, a colocação do acento nesses tempos se faria necessária? 
Abraço Grande. Afonso Bocão
Voltar ao Topo
guiamericano Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar

Cadastrado em: 26/07/09
Localização: Brasília
Status: Desconectado
Pontos: 847
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar guiamericano Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 18/07/10 as 02:08
Originalmente postado por Bocao Bocao escreveu:

Entendi a explicação legal. Na prática dá prá pegar. A minha dúvida é na hora de escrever. Quando estou fazendo exercício com o bumbo, meu professor sempre me orienta a tentar manter o mesmo som, sem acentuar. Em relação ao tempo forte (na partitura exatamente) do samba, para quem não conhece o ritmo direito, a colocação do acento nesses tempos se faria necessária? 
então!
seu professor está certíssimo! é sempre legal, fazer as notas na mesma intensidade e dinâmica! digamos que seria "errado acentuar" (apesar de não existir certo e errado nesse aspecto espero que entenda o que quis dizer), porém, quando eu estava no começo, eu procurava acentuar algumas notas pra pegar o exercício mais rápido, e pra descobrir o tempo, mas depois disso procurava não acentuar mais, e manter sempre a mesma dinâmica/som sacou?

respondendo sua pergunta diretamente, a colocação de acentos, pra vc determinar um compasso 8/4 ou 4/4 e os outros citados aqui, se fazem necessária, uma vez que seja para descobrir a métrica correta! mas sempre, SEEEMPRE procure manter as mesmas dinâmicas com as mãos e pés, um exercício legal, é vc fechar os olhos, e tentar fazer como se tudo fosse realizado por uma só mão [ou pé] como se parecesse um exercício "homogêneo" sabe?

hehe, acho que viajei um pouco, mas espero que tenha entendido!

abração!
Voltar ao Topo
Bocao Ver Drop Down
Iniciantes
Iniciantes
Avatar

Cadastrado em: 09/05/09
Status: Desconectado
Pontos: 31
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar Bocao Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 18/07/10 as 05:54
Com certeza Guiamericano. Também com o tempo nós vamos acostumando a saber aonde é a cabeça do tempo mesmo sem acentuação pois vamos pegando a "manha" No Rock fica um pouco mais fácil (de uma maneira geral), Se vcs souberem algumas músicas em que fuja do padrão 4/4 e que considerem interessante para exercitarmos a nossa compreensão dos ritmos e compassos, seria bem legal. Muito Obrigado.
Abraço Grande. Afonso Bocão
Voltar ao Topo
guiamericano Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar

Cadastrado em: 26/07/09
Localização: Brasília
Status: Desconectado
Pontos: 847
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar guiamericano Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 18/07/10 as 07:09
exatamente!
isso vem com o tempo, cada vez vai ficando mais natural, vc consegue determinar os compasso pelo "feeling"!
existem várias músicas com compassos mais diferentes! separei alguns aqui!

essa do all time low é 5/4 no começo, depois fica 6/8, e tem até 4/4 é só identificar! (apesar de ser um pouco emo, eles tem um compasso 5/4 ahahha) mas o mais legal mesmo, é o riff inicial, que é 5/4 Wink

dá uma checada!



esse vídeo do marco minnemann ele brinca muito com os compassos, e ele vai falando a métrica, é BEEEEMMM legal!

tem compasso 9/8 , por 16 é lindo lindo [o vídeo]! ahahaha



poxa, eu tinha um monte, mas não tô conseguindo lembrar...
mas quando for pegando mais aqui, eu boto!

Abs.
Voltar ao Topo
carlosedu Ver Drop Down
Iniciantes
Iniciantes
Avatar

Cadastrado em: 15/04/10
Localização: rio de janeiro
Status: Desconectado
Pontos: 24
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar carlosedu Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 29/07/10 as 06:32
concordo ,pois este é o cara dos tempos loucos kkkkkkkkkkkkkkkkhehehehe.
carlosEdu
Voltar ao Topo
Luis Pérez Ver Drop Down
Avançados
Avançados
Avatar

Cadastrado em: 15/09/04
Status: Desconectado
Pontos: 233
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar Luis Pérez Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 30/07/10 as 15:33
Originalmente postado por guiamericano guiamericano escreveu:

exatamente!
isso vem com o tempo, cada vez vai ficando mais natural, vc consegue determinar os compasso pelo "feeling"!
existem várias músicas com compassos mais diferentes! separei alguns aqui!

essa do all time low é 5/4 no começo, depois fica 6/8, e tem até 4/4 é só identificar! (apesar de ser um pouco emo, eles tem um compasso 5/4 ahahha) mas o mais legal mesmo, é o riff inicial, que é 5/4 Wink

dá uma checada!



esse vídeo do marco minnemann ele brinca muito com os compassos, e ele vai falando a métrica, é BEEEEMMM legal!

tem compasso 9/8 , por 16 é lindo lindo [o vídeo]! ahahaha



poxa, eu tinha um monte, mas não tô conseguindo lembrar...
mas quando for pegando mais aqui, eu boto!

Abs.
Esse video do Marco Minneman não conhecia....didático e divertido...rs
Aulas de Bateria c/ Luis Pérez
São Paulo - Zona Sul - Site: www.luisperez.com.br
Voltar ao Topo
Dalisson Ver Drop Down
Iniciantes
Iniciantes
Avatar

Cadastrado em: 30/07/10
Localização: Arapiraca
Status: Desconectado
Pontos: 3
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar Dalisson Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 16/08/10 as 19:49
valeu cara eu peguei uma apostila mto boa q ensinava essas paradas todas
mais ainda tive duvidas e com sua explicação saquei 
keria saber uma coisa

tipo o sinal de % sei que quer dizer repetir

mais repete que parte do groove a ultima parte antes do sinal ? penultima primeira
isso que eu queria saber
vlw pela atenção!!

Voltar ao Topo
guiamericano Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar

Cadastrado em: 26/07/09
Localização: Brasília
Status: Desconectado
Pontos: 847
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar guiamericano Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 21/10/10 as 04:48
noooossa, velho! foi mal a demora!
vi agora que tinham postado aqui, e não vi o email com esse tópico notoficado!
então cara, não vou te responder com muita certeza, mas tenho quase absoluta dela, que é antes do sinal Thumbs Up
eu lembro de fazer algum exercício assim!

Abs. e qualquer coisa pode falar, que a gnt responde rapidinho!
Voltar ao Topo
Gui Loures Ver Drop Down
Iniciantes
Iniciantes


Cadastrado em: 14/07/09
Localização: Belo Horizonte
Status: Desconectado
Pontos: 39
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar Gui Loures Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 02/11/10 as 21:37
Bom pessoal a minha contribuição vai ser exemplificar alguns compassos diferentes.
Vou começar com a música do Deep Purple - Perfect Stranger.
Essa música é bem conhecida pela metrica que ela possui.
4/4 - 5/4 - 4/4 - 5/4 - 4/4 - 5/4 - 4/4 -4/4-5/4
Pra galera que tem dificuldade, eu vou colocar o link abaixo.
O trecho que eu falei começa em: 2:25

O segundo exemplo que eu vou contribuir é uma música do Foo Fighter chamada Times like these.
Essa é uma música que possui frases em 7/8

O terceiro exemplo a ser dado da música Stairway to heaven do Led Zeppelin 
o trecho em questão é o seguinte
3/4 - 4/4 - 5/4 - 5/4 - 4/4 - 3/4 
na música esse trecho é em 5:38

Bom é isso, separei alguns que eu achei mais interessantes, se alguem lembrar dos mais conhecidos postem ai!
Valeu!!!

Guilherme Zarranz
Guilherme Zarranz
Voltar ao Topo
WagnerNeves Ver Drop Down
Iniciantes
Iniciantes
Avatar

Cadastrado em: 23/10/10
Localização: Salvador
Status: Desconectado
Pontos: 58
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar WagnerNeves Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 02/11/10 as 23:55
Achava que seria difícil entender partituras de bateria. Com a ajuda dessa galera está muito simples. A teoria musical para bateristas também é muito importante, principalmente na construção de grooves. Desde já agradeço a iniciativa!

Editado por WagnerNeves - 04/11/10 as 04:39
A música é o barulho que pensa. (Victor Hugo)
Voltar ao Topo
Brunovalverde Ver Drop Down
Iniciantes
Iniciantes


Cadastrado em: 17/09/10
Localização: São Paulo
Status: Desconectado
Pontos: 37
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar Brunovalverde Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 02/04/11 as 17:43
Parabéns está bem legal.
Explicação bem prática.

Abraço
Bruno Valverde
www.brunovalverde.com
www.myspace.com
Voltar ao Topo
Giuliano Kolling Ver Drop Down
Seniors
Seniors
Avatar

Cadastrado em: 05/06/06
Localização: Brazil
Status: Desconectado
Pontos: 1176
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar Giuliano Kolling Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 02/04/11 as 18:03
Parabéns pela iniciativa brother e por colaborar aí no fórum!
Explicou legal!Um abraço e fica com Deus!
Eu vou insistir em Te acompanhar,haja o que houver, acredite quem quiser,

mesmo tropeçando eu tô aprendendo,tô descobrindo

que pra tudo existe um tempo!
Voltar ao Topo
WagnerNeves Ver Drop Down
Iniciantes
Iniciantes
Avatar

Cadastrado em: 23/10/10
Localização: Salvador
Status: Desconectado
Pontos: 58
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar WagnerNeves Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 13/05/11 as 03:13
Precisamos de mais áudios para facilitar a interpretação dos compassos. Seria bom postar instrumentais de alguns bateras conceituados. Excelente tópico! Indispensável para qualquer baterista. Se eu achar algum, posto aqui, deixando minha contribuição. Valeu pela iniciativa!  
A música é o barulho que pensa. (Victor Hugo)
Voltar ao Topo
WagnerNeves Ver Drop Down
Iniciantes
Iniciantes
Avatar

Cadastrado em: 23/10/10
Localização: Salvador
Status: Desconectado
Pontos: 58
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar WagnerNeves Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 17/05/11 as 03:45
Minha contribuição:
Dave Weckl - Magic Island (compasso em 7/8)



A música é o barulho que pensa. (Victor Hugo)
Voltar ao Topo
Lucas Cantuária Ver Drop Down
Iniciantes
Iniciantes
Avatar

Cadastrado em: 19/06/09
Localização: São Gonçalo
Status: Desconectado
Pontos: 166
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar Lucas Cantuária Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 24/05/11 as 19:07
Seria bom adicionar as QUIÁLTERAS(tercina, duína, sextina, quintina, etc)  nesse tópico. MUUUUUUUUUUITA gente tem duvida quanto a isso...

Eu sinceramente tenho grandes dúvidas sobre o que são DUÍNAS apesar de eu nunca ter visto em uma partitura.
Porque parar na décima tentativa se a décima primeira pode te dar o resultado?
Voltar ao Topo
erikamartinz Ver Drop Down
Iniciantes
Iniciantes


Cadastrado em: 21/03/11
Status: Desconectado
Pontos: 22
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar erikamartinz Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 14/06/11 as 13:43
o conteúdo do fórum vale mais q mil apostilas... :)
Voltar ao Topo
Nilo Henrique Ver Drop Down
Iniciantes
Iniciantes
Avatar

Cadastrado em: 09/05/09
Localização: Salvador
Status: Desconectado
Pontos: 188
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar Nilo Henrique Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 09/08/11 as 07:00
Eu tbm aprendi partitura quando tive aulas de teclado e isso me ajudou bastante, quando aprendi bateria facilitou muita coisa, só sentia dificuldades pra executar quintinas. É incrível como assimilamos facilmente a tercina mas a quintina demora um pouco em se tratando das quiálteras ímpares.
Mas eu encontrei um meio próprio de executar quintinas num tempo 4/4: contava cinco seminimas bem lento, na primeira seminima desse conjunto de 5 contava mentalmente como o 1° tempo do compasso e assim sucessivamente até finalizar o 4° tempo, então essa minha contagem deixava o compasso beeeem longo rsrsrs.
Acreditem foi mais fácil para eu entender assim. Eu e minha cabeça kkk, vai entender!?!?
O tópico tá bem explicado, só está precisando ser mais frequentado pela galera do forum.

Abração bateras e bom tempo aí pra vcs. :-)


<a href="http://imageshack.us" re
Voltar ao Topo
Virgil Donati Ver Drop Down
Iniciantes
Iniciantes
Avatar

Cadastrado em: 19/06/10
Status: Desconectado
Pontos: 77
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar Virgil Donati Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 05/10/11 as 07:37
Originalmente postado por Lucas Cantuária Lucas Cantuária escreveu:

Seria bom adicionar as QUIÁLTERAS(tercina, duína, sextina, quintina, etc)  nesse tópico. MUUUUUUUUUUITA gente tem duvida quanto a isso...

Eu sinceramente tenho grandes dúvidas sobre o que são DUÍNAS apesar de eu nunca ter visto em uma partitura.


Bom, eu aprendi que duína é uma quiáltera de compasso composto. Por exemplo, uma duína em um compasso 6/8 seria duas colcheias tocadas com duração de uma semínima pontuada (ou 3 colcheias).


E ao autor, parabéns pelo tópico. Com certeza ajudou/ajudará muita gente.
Voltar ao Topo
FelipeAlmeida Ver Drop Down
Avançados
Avançados
Avatar

Cadastrado em: 09/02/08
Localização: Brazil
Status: Desconectado
Pontos: 242
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar FelipeAlmeida Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 09/10/11 as 14:32
QUIÁLTERA, apesar de parecer redundante, é tudo o que seria "impossível" escrever pela teoria, mas que na prática é possível tocar. Ou seja, tudo 'que altera' o tempo, torna-se uma quiáltera.

Num compasso quaternário, por exemplo, podemos tocar três notas por tempo, porém se fossemos tentar escrever com as figuras existentes, não daria certo, matematicamente falando. Para isso, temos as quiálteras.

Da mesma forma, se estamos tocando um 6/8, 12/8, ou qualquer compasso composto (vamos tirar por base o Blues), também é possível tocar uma colcheia como se fosse num compasso simples, dessa forma, criam-se as quiálteras de colcheia, ou "duínas", como citado acima.

Sim, é bem mais difícil encontrar delas, mas existem, assim como as quiálteras de semicolcheia.

Um livro interessantíssimo que explica e trabalha todo tipo de compasso e figuras é o MÉTODO PARA CAIXA CLARA do percussionista brasileiro NEY ROSAURO. Não tenho ele digitalizado, mas quem puder comprar, é uma ótima aquisição!




Editado por FelipeAlmeida - 09/10/11 as 14:33
Voltar ao Topo
GNOMO Ver Drop Down
Iniciantes
Iniciantes
Avatar

Cadastrado em: 24/05/08
Status: Desconectado
Pontos: 21
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar GNOMO Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 26/10/11 as 22:14
Muito bom! gostei pra caramba dessa explicação, PARABÉNS! você conseguiu explicar muito melhor do que muitos professores de bateria!
Voltar ao Topo
BaterinhaChurch Ver Drop Down
Iniciantes
Iniciantes
Avatar

Cadastrado em: 29/09/08
Localização: MG
Status: Desconectado
Pontos: 16
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar BaterinhaChurch Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 12/12/11 as 16:52
Quialtra ( em uma explicação bem diferente segundo um professor meu) é quando você está em casa e faz comida para você e sua esposa, e de repente o vizinho vem para uma visita...

Espaço para 2 pessoas e você ganha um entrometido de brinde kkkk
Soldado de Cristo
Voltar ao Topo
Eloyundersound Ver Drop Down
Iniciantes
Iniciantes
Avatar

Cadastrado em: 22/06/11
Status: Desconectado
Pontos: 9
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar Eloyundersound Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 26/12/11 as 18:06
KKKKKKK LEGAL!!!
Existem três tipos de pessoas: as que não sabem contar e as que sabem.
Voltar ao Topo
deaguiar Ver Drop Down
Iniciantes
Iniciantes
Avatar

Cadastrado em: 10/03/12
Status: Desconectado
Pontos: 53
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar deaguiar Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 15/03/12 as 09:50
Parabéns, pelo tópico. Bem didático e simples!

Indo na vibe dos compassos complexos, encontrei esse vídeo do Mike Portnoy, ex-batera do Dream Theater, mostrando a contagem de um dos trechos de Dance of Eternity, uma das músicas da banda. Compassos bizarros:





Editado por deaguiar - 15/03/12 as 10:01
Voltar ao Topo
deaguiar Ver Drop Down
Iniciantes
Iniciantes
Avatar

Cadastrado em: 10/03/12
Status: Desconectado
Pontos: 53
Opções da Mensagem Opções da Mensagem   Agradecimentos (0) Agradecimentos(0)   Citar deaguiar Citar  ResponderResponder Link direto para este Post Postado: 15/03/12 as 09:53
Pra quem não conhece, a música é essa:


Voltar ao Topo
 Responder Responder Página  <123>
  Compartilhar Tópico   

Ir para o Fórum Permissões do Fórum Ver Drop Down



Esta página foi carregada em 0.148 segundos.